Repositório Digital

A- A A+

Jatakas : o processo de representação e materialização de um fenômeno infocomunicacional

.

Jatakas : o processo de representação e materialização de um fenômeno infocomunicacional

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Jatakas : o processo de representação e materialização de um fenômeno infocomunicacional
Autor Cunha, Catherine da Silva
Orientador Oliveira, Lizete Dias de
Data 2009
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Biblioteconomia.
Assunto Informação : Aspectos sociais
[en] Infocommunicational phenomenon
[en] Jataka stories
[en] Post-custodial paradigm
[en] Social information
Resumo Constitui um trabalho teórico que tem como objetivo refletir sobre o conceito de informação compreendida como um fenômeno humano e social, bem como sobre o fenômeno infocomunicacional, através da representação e da materialização das Jatakas: histórias Budistas do Século VI a.C. que narram as vidas passadas de Buda Shakyamuni e que constituem o objeto deste estudo. Apresenta as histórias Jatakas, o seu significado, o seu contexto nos Ensinamentos Budistas e o seu objetivo. Demonstra como a informação compreendida como um fenômeno humano e social encontra correspondente nessas histórias, bem como o seu contraste em relação a sua definição tradicional que defende a sua gênese na solidificação no documento, como a definição que propõe Yves-François Le Coadic. Mostra o processo de representação das Jatakas através da transcrição de três histórias que demonstram a constância do seu conteúdo nuclear (as vidas passadas de Buda enquanto Bodisatva). Traça um paralelo com o filósofo Paul Ricoeur e a sua reflexão no artigo “Arquitetura e Narratividade” para analisar o processo de materialização escrita e imagética das Jatakas ao longo dos estágios por ele denominados preconfiguração, configuração e reconfiguração. Analisa o processo de materialização escrita a partir da sua tradução mais famosa intitulada “The Jataka or stories of the Buddha´s former births”. Apresenta diferentes materializações imagéticas através de pinturas e esculturas em santuários, templos, cavernas e peças de museus. Aborda o fenômeno infocomunicacional como um todo o qual envolve a informação e a comunicação decorrente da interação entre indivíduos. Aponta como ocorre este fenômeno nas Jatakas através da sua representação e materialização. Defende que o fenômeno infocomunicacional é reforçado pelo Paradigma Pós-custodial sugerido por Silva (2006) e Silva e Ribeiro (2002), no qual se percebe uma mudança comportamental em relação à procura, obtenção, concepção e disseminação da informação, e que reflete na alteração epistemológica da percepção do objeto da Ciência da Informação, bem como da sua prática. Compara o Paradigma Custodial ainda vigente na Ciência da Informação com o Paradigma Pós-custodial que se apresenta como reflexo das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs). Conclui que a adoção do Paradigma Pós-custodial contribui para as atividades do profissional da informação através da valorização do aspecto histórico e cultural da informação pela sua natureza ontológica e do fomento do fenômeno infocomunicacional do qual deixa de ser espectador e passa a fazer parte.
Abstract It is a theoretical study that aims to reflect upon the concept of information understood as a human and social phenomenon, as well as the infocommunicational phenomenon, by means of the representation and materialization of the Jatakas: Buddhist stories of the sixth century BC that tell the past lives of Shakyamuni Buddha and are the object of this study. It presents the Jataka stories, their meaning, their context in Buddhist teachings and their goal. It demonstrates how information, understood as a human and social phenomenon, is relevant in these stories, and how this contrasts with the traditional definition that favors the genesis of information in the concreteness of the document, as suggests the definition of Yves-François Le Coadic. It shows the process of representation of the Jatakas transcribing three stories that demonstrate the constancy of their core content (the past lives of Buddha as Bodisatva). It draws a parallel with the ideas of the philosopher Paul Ricoeur expressed in the article "Architecture and narrative" to analyze the process of the written expression and the imagery of the Jatakas over the stages he called preconfiguration, configuration and reconfiguration. It examines the process of written materialization from the viewpoint of its most famous translation: “The Jataka or stories of the Buddha's former births”. It presents different imagetic materializations, such as paintings and sculptures, that exist in shrines, temples, caves and museums. It approaches the infocommunicational phenomenon as a whole, which involves information and communication as a result of the interaction among individuals. It indicates how this phenomenon occurs in the Jatakas, through their representation and expression. It defends that the infocommunicational phenomenon is reinforced by the Post-custodial Paradigm suggested by Silva (2006) and Silva and Ribeiro (2002), in which a behavioral change can be perceived in relation to demand, retrieval, production and dissemination of information; this reflects the epistemological change in perception of the object of Information Science, and its practice. It compares the still current Custodial Paradigm in Information Science with the Post-custodial Paradigm, which is presented as a reflection of Information and Communication Technology (ICT). It concludes that the adoption of the Post-custodial Paradigm contributes to the activities of information professionals by enhancing the historic and cultural features if information, due to its ontological nature and the promotion of the infocommunicational phenomenon; in relation to it, they no longer act as spectators, but do become part of.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/18731
Arquivos Descrição Formato
000717622.pdf (1.090Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.