Repositório Digital

A- A A+

Efeito da aplicação de cianamida hidrogenada e óleo mineral na quebra de dormência e produção do pessegueiro -'Flamecrest'

.

Efeito da aplicação de cianamida hidrogenada e óleo mineral na quebra de dormência e produção do pessegueiro -'Flamecrest'

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeito da aplicação de cianamida hidrogenada e óleo mineral na quebra de dormência e produção do pessegueiro -'Flamecrest'
Autor Marodin, Gilmar Arduino Bettio
Sartori, Ivar Antonio
Guerra, Denis Salvati
Resumo Com o objetivo de aumentar a produção e qualidade de frutos do pessegueiro- ‘Flamecrest’, de alta exigência em frio, realizou-se um experimento no Município de Farroupilha-RS, no ano de 2000, com o uso de cianamida hidrogenada e óleo mineral. Estudou-se o efeito de duas diferentes épocas de aplicação dos tratamentos (15-7 e 2-8) sobre a brotação, floração, frutificação, produção e antecipação de colheita. Foram testados os efeitos dos seguintes tratamentos: cianamida hidrogenada (C.H.) 1,22; 2,45; 3,675 e 4,90 g de i.a.L-1 com óleo mineral (O.M.) 10 g de i.a.L-1; O.M. 10 g de i.a.L-1 isolado e testemunha (sem pulverização). Os tratamentos não anteciparam a brotação das gemas floríferas, porém C.H. 2,45 e 4,90 g de i.a.L-1 com O.M. a 10 g de i.a.L-1 proporcionaram plantas com maior brotação das gemas vegetativas. Não houve efeito marcante dos tratamentos sobre a floração e a porcentagem de frutos vingados nas duas épocas. O número de frutos raleados por planta foi superior para os tratamentos com C.H. 2,45 e 4,90 g de i.a.L-1 com O.M. 10 g de i.a.L-1 quando aplicados na segunda época. Já, para o número e massa total dos frutos colhidos, destacaramse, na primeira época (15-7), os tratamentos com C.H. 1,22 e 3,675 g de i.a.L-1 + O.M. 10 g de i.a.L-1 e, na segunda época (2-8), os tratamentos com C.H. 2,45 e 4,90 g de i.a.L-1 + O.M. 10 g de i.a.L-1. Os tratamentos da segunda época resultaram em produções médias superiores à primeira. A massa média dos frutos não foi alterada de forma clara pelos tratamentos, assim como o teor de sólidos solúveis totais e a resistência de polpa.
Abstract With the objective of increasing yields and fruit quality of cv. Flamecrest peaches, a cultivar with high chilling units demand, the present experiment was conducted in an orchard near to the Farroupilha city, in the year 2000. The hidrogen cyanamid and mineral oil were applied in two different times: middle of July and begining of August. The Dormancy breaking, flowering, fruit set, yield, and antecipation of harvest were evaluated from plants of the folllowing treatments: 1,22; 2,45; 3,675 or 4,90 g of i.a.L-1 hydrogen cyanamid together with 10 g i.a L-1 of mineral oil or a single application of 10 g i.a L-1 mineral oil. The Control plants were not sprayed with the dormancy breaking treatment. None of the treatments resulted in sprouting antecipation of flowering buds however, plants treated with 1,22 or 4,90 g i.a L-1 hydrogen cyanamid mixed with 10 g i.a L-1 mineral oil, had a higher number of sprouted vegetative buds. There was no significant effect of the period of application on flowering and fruit set. The number of fruits thinned out from each plant was higher for the treatments with 2,45 or 4,90 g i.a L-1 of hydrogen cyanamid mixed with 10 g i.a L-1 of mineral oil. When applied to peaches trees in july, the treatments with 1,22 and 3,675 g i.a. L-1 of hydragen cyanamid and 10 g i.a. L-1 of mineral oil resulted in a higher number of fruits and total yield per plant. All the treatments, in the second apllication period, produced higher yields. The Average fruit weight, total soluble solids and pulp firmness were not influenced by the treatments.
Contido em Revista Brasileira de Fruticultura. Vol. 24, n. 2 (ago. 2002), p. 426-430
Assunto Dormência
Época de colheita
Pêssego
Produtividade
[en] Dormancy
[en] Productivity
[en] Prunus persica
[en] Ripening anticipation
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/19674
Arquivos Descrição Formato
000375187.pdf (29.20Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.