Repositório Digital

A- A A+

Planejamento estratégico : administrando as complexidades do futuro

.

Planejamento estratégico : administrando as complexidades do futuro

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Planejamento estratégico : administrando as complexidades do futuro
Autor Zimmermann, Renato Innig
Orientador Pinheiro, Ivan Antonio
Data 2009
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Gestão de Negócios Financeiros a Distância - Turma 2008.
Assunto Banco do Brasil.
Planejamento estratégico
Resumo Administrar carrega muita responsabilidade. Administrar significa conduzir a empresa para seu futuro. E existem várias formas de realizar isso. Uma das formas de administrar carrega uma atitude tradicionalista, onde o dirigente vive o cotidiano baseado em fatos e eventos ocorridos no passado, decidindo de forma onde o que ocorreu ontem condiciona o que fazer hoje e orienta para replicar o que deu certo e para evitar o que deu errado. Existe a atitude chamada de pragmática, onde as decisões são tomadas baseando-se apenas nos eventos, fatos, notícias, palpites ou boatos que acabaram de ser produzidos. E por fim, a atitude estratégica, onde se administra o presente a partir de uma visão do futuro, onde se toma ações hoje para que os objetivos do futuro sejam alcançados. É nesse contexto que se insere o planejamento estratégico. O planejamento nasce a partir dos objetivos que a empresa quer atingir. É o guia das ações do presente usado como meio de atingir os objetivos do futuro, a curto, médio e longo prazo. É a definição da estratégia. Planejar é preparar bem cada ação, é preparar-se para as complexidades do futuro. Conclui-se então que planejar é fundamental? Todos concordam, muitos tentam empiricamente, alguns aplicam um método formal e poucos atingem o desafio de fazê-lo adequadamente. Causas como desconhecimento das razões de planejar, processos pouco elaborados, deficiências de comunicação, falta de comprometimento, não participação de todos os níveis da empresa, cotidiano repleto de demandas, são algumas das barreiras a serem transpostas. E isso será estudado no planejamento estratégico, em um processo bem elaborado, transparente e rico em comunicação, com comprometimento e participação de toda a empresa, onde os esforços do cotidiano sempre visam os mesmos objetivos e onde esses objetivos são transparentes e sobrevivem às mudanças de gestão. Por esses aspectos todos e sua importância, esse trabalho vai verificar se existe a aplicação de planejamento estratégico nas Associações Atléticas do Banco do Brasil no Rio Grande do Sul.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/24792
Arquivos Descrição Formato
000745354.pdf (135.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.