Repositório Digital

A- A A+

Tipologia textual e ativação de terminologia : um estudo em manuais técnicos de produtos tecnológicos

.

Tipologia textual e ativação de terminologia : um estudo em manuais técnicos de produtos tecnológicos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Tipologia textual e ativação de terminologia : um estudo em manuais técnicos de produtos tecnológicos
Autor Moura, Adila Beatriz Naud de
Orientador Krieger, Maria da Graça
Data 2008
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Ativação terminológica
Linguagem especializada
Manuais técnicos
Terminologia
Termos técnicos
Tipologia linguistica
Unidade léxica
Unidade linguistica
[en] Activation of terminology
[en] Technical manuals
[en] Text typology
Resumo O propósito desta tese é investigar os mecanismos, de caráter linguístico-textual, que respondem pela ativação de termos técnicos em manuais de produtos tecnológicos. Delimitamos o campo da investigação a unidades lexicais e semiológicas, de valor especializado, em quatro manuais técnicos que tratam de procedimentos de uso de produtos tecnológicos – relógios de ponto automatizados. Partimos da hipótese de que há uma relação significativa entre tipologia textual e ativação da terminologia. O estudo orienta-se, quanto à abordagem textual, pela proposta semiolinguística de Charaudeau (2001), nos três níveis de competência: situacional, discursiva e semiolinguística; e, quanto à Terminologia, pelos princípios da Teoria Comunicativa da Terminologia (TCT) (CABRÉ, 1999). Para tanto, desenvolvemos dois focos de investigação: (a) descrever a tipologia textual constituída pelos manuais, que são textos técnicos, modalizados pela dimensão deôntica da prescrição; (b) identificar os mecanismos sintático-semânticos de engendramento das unidades terminológicas nos manuais estudados. Elegemos, como ambiente privilegiado de investigação dos mecanismos, estruturas linguísticas com a preposição para (e estruturas equivalentes: a fim de (loc. prep.), para que (loc. conjunt.), a fim de que (loc.conjunt.)), organizadas em frases, extraídas do corpus, a partir de expressões regulares de busca de padrões criadas a partir do programa Unitex (conjunto de programas que possibilitam o tratamento de textos em língua natural utilizando recursos linguísticos, Université Marne-la-Valée, Sebastian Paumier, novembro de 2002). A escolha recaiu nessa preposição em razão de ela ter como propriedade semântico-lexical as categorias estativo-finalidade e ser do tipo predicadora, aspectos que interessam à hipótese de ser nesse habitat a ativação da terminologia da área de especialidade estudada (BERG, 2005). Criou-se uma regra que representasse as possibilidades de análise das frases com a preposição para - {PARA realizar (xt), use (yt)}, em que para é classificada como um Marcador de Finalidade (MF). As extrações, visualizadas em frases, foram submetidas à verificação da presença de unidades lexicais e semióticas. Os resultados apontam para a presença de unidades terminológicas na posição de (xt) e (yt). Para a refinação dos resultados, submetemo-los à ótica de especialista para a validação dos dados. As estruturas frasais foram denominadas de fraseamentos, considerando que são unidades típicas dos manuais: contêm a característica deôntica, evidenciam a modalidade delocutiva, a organização semiolinguística (o texto nos níveis de composição, construção gramatical e uso do léxico) e a terminologia da área. Os resultados da investigação indicam que a estrutura {PARA realizar (xt), use (yt)}, realizada em fraseamentos com MF, é um dos locus do habitat para a ativação de terminologias em manuais técnicos. Trata-se de um estudo que reúne elementos textuais e linguísticos, não se limitando aos aspectos conceituais da comunicação especializada.
Abstract The objective of this dissertation is to investigate the linguistic and textual mechanisms responsible for the activation of technical terms in manuals of technological products. We narrowed the field of the investigation to the lexical and semiological units in four technical manuals that deal with procedures for the use of technological products - automated time clocks. We departed from the hypothesis that there is a significant relation between text typology and the activation of terminology. In relation to the textual approach adopted, this study uses Charaudeau´s Semiolinguistic Theory and its three level competencies: situational, discourse and semiolinguistic (2001). In relation to the field of Terminology, this study is based on the Communicative Theory of Terminology (TCT) (CABRÉ, 1999). To this end, we developed two points of investigation: a) to describe the text typology in the manuals, which are technical texts regulated by the deontic dimension of the prescription; b) to identify the syntactic-semantic mechanisms that create the terminological units in the manuals. We chose to analyze linguistic structures including the preposition para (and some equivalent structures: a fim de, para que, a fim de que) organized in sentences, extracted from the corpus from regular expressions for search of patterns created by the Unitex program (Université Marle-la-Valée, Sebastian Paumier, november of 2002). We chose to analyze this preposition because of its semantic-lexical properties: predicator (BERG, 2005), aspects that are relevant to the hypothesis that it is in this habitat that the activation of the terminology of the area happens. We created a rule that represented the possibilities for the analysis of the sentences including the preposition para - {PARA realizar (xt), use (yt)} ({TO achieve (xt), use (yt)}), in which para is classified as a purpose marker (MF). The extractions, which can be observed in the sentences, were submitted to the verification of the presence of lexical and semiotic units.The results obtained indicate that the structure {PARA realizar (xt), use (yt)} is one of the habitat for the activation of the terminology in technical manuals. This is a study that gathers textual and linguistic elements, going beyond the conceptual aspects of the specialized communication.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/24855
Arquivos Descrição Formato
000749080.pdf (1.116Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.