Repositório Digital

A- A A+

Estratégias de coping de mães de portadores de autismo: lidando com dificuldades e com a emoção

.

Estratégias de coping de mães de portadores de autismo: lidando com dificuldades e com a emoção

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estratégias de coping de mães de portadores de autismo: lidando com dificuldades e com a emoção
Outro título Coping strategies of mothers of autistic children: dealing with behavioral problems and emotions
Autor Schimidt, Carlo
Dell'Aglio, Debora Dalbosco
Bosa, Cleonice Alves
Resumo Estudos têm apontado evidências de estresse em famílias de portadores de autismo. Neste processo, deve-se considerar as estratégias de coping utilizadas pelos familiares frente às circunstâncias adversas. O objetivo deste estudo foi verificar as estratégias de coping maternas frente a dificuldades dos portadores de autismo, assim como as estratégias das mães para lidar com as próprias emoções desencadeadas pelo estresse. Participaram 30 mães, entre 30 a 56 anos, cujos filhos apresentam diagnóstico de autismo e freqüentam instituições de atendimento. Utilizou-se uma entrevista semi-estruturada, a qual foi transcrita e analisada com base na Análise de Conteúdo. As principais dificuldades se referem ao comportamento do filho, frente às quais as mães utilizam predominantemente as estratégias de ação direta e de aceitação. Quanto às estratégias para lidar com as emoções, as categorias mais freqüentes foram distração, busca de apoio social/religioso, inação e evitação. Os resultados são discutidos considerando-se o estresse e a adaptação materna.
Abstract Many studies have shown evidence of high levels of stress in families with autistic children. Concerning this process, it is important to consider the coping strategies used by family members in face of the adverse circumstances. The purpose of this study is to investigate the coping strategies of mothers when dealing with their autistic children, as well as how they deal with their own emotions unleashed by the stress. Thirty mothers, between 30 and 56 years old participated in the study. Their children have met the criteria for autism and attended special education schools. The coping strategies were investigated using a semi-structured interview, which was transcribed and analyzed by content analysis. The main difficulties refer to the child’s behavior. In relation to these difficulties, the strategy used by the mothers was predominantly direct action and acceptance. Concerning the strategies to deal with their own emotions, the most frequent categories were distraction, reaching out for social/religious support, lack of action and avoidance. Results are discussed in terms of stress and maternal adaptation model.
Contido em Psicologia : reflexão e crítica. Porto Alegre. Vol. 20, n. 1 (jan./abr. 2007), p. 124-131.
Assunto Autismo
Criança
Enfrentamento
Estresse
Mãe
Psicologia
[en] Autism
[en] Coping strategies
[en] Maternal stress
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/25694
Arquivos Descrição Formato
000601254.pdf (218.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.