Repositório Digital

A- A A+

Desenvolvimento com restrição externa e a questão cambial : análise teórica e aplicada ao Brasil a partir do plano real

.

Desenvolvimento com restrição externa e a questão cambial : análise teórica e aplicada ao Brasil a partir do plano real

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desenvolvimento com restrição externa e a questão cambial : análise teórica e aplicada ao Brasil a partir do plano real
Autor Weiss, Maurício Andrade
Orientador Cunha, Andre Moreira
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Economia.
Assunto Brasil
Desenvolvimento econômico
Planejamento econômico
Plano Real (1994 : Brasil)
[en] Economic development
[en] Exports
[en] External constraint
[en] Real exchange rate
Resumo Esta dissertação apresenta a importância dos condicionantes externos ao desenvolvimento econômico e destaca o papel da taxa real de câmbio em impulsionar o setor de bens comercializáveis, os quais, além de melhorar a situação externa, têm a capacidade de induzir o crescimento econômico no longo prazo. Para isso se trará a importância do crescimento econômico compatível com o “equilíbrio” do balanço de pagamentos e se analisará os resultados da estratégia de inserção brasileira no processo de globalização financeira sob a perspectiva da vulnerabilidade externa. Em seguida são realçados os impactos da taxa real de câmbio no setor externo e no desenvolvimento econômico, tanto no aspecto teórico como aplicado ao Brasil após o Plano Real. Por fim, são realizados testes econométricos, utilizando-se do método Almon lag, para estimar os impactos da taxa real de câmbio na balança comercial e nos seus principais componentes. Os resultados encontrados para o caso brasileiro corroboram o argumento de que a taxa real de câmbio contribui para a melhora da situação externa e incentiva o setor exportador, especialmente o de bens manufaturados.
Abstract This dissertation presents the importance of external constraints to economic development and highlights the role of real exchange rate to boost the tradable sector, which improve the external position and induce economic growth in the long run. It is considered the importance of economic growth consistent with the equilibrium of balance of payments and it is examined the results of international insertion strategy in the Brazilian financial globalization from the perspective of external vulnerability. Are then highlighted the impact of real exchange rate in the external sector and economic development, both in theoretical and applied to Brazil after the Real Plan. Finally econometric tests are performed, using the Almon lag method to estimate the impact of real exchange rate on trade balance and its main components. The results for the Brazilian case corroborate the argument that the real exchange rate contributes to the improvement in the external environment and encourages the export sector, especially of manufactured goods.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/25823
Arquivos Descrição Formato
000753682.pdf (843.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.