Repositório Digital

A- A A+

Revestimento externo de argamassa em substrato cerâmico : influência da variação térmica na resistência de aderência

.

Revestimento externo de argamassa em substrato cerâmico : influência da variação térmica na resistência de aderência

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Revestimento externo de argamassa em substrato cerâmico : influência da variação térmica na resistência de aderência
Autor Borges, Eduardo Vitor
Orientador Masuero, Angela Borges
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Civil.
Assunto Engenharia civil
Resumo As argamassas são utilizadas como material para revestimentos desde a antiguidade, sendo anteriores a qualquer outra técnica. Esse histórico de utilização provavelmente deve-se às características simples desse material, como disponibilidade de seus componentes e a simplicidade de produção e aplicação. Com a descoberta do cimento Portland, entretanto, mudanças no conceito desse material aconteceram, abrindo portas, de certa forma, para a sua industrialização Por se tratar de um material comum a alguns sistemas construtivos, a argamassa apresenta desafios, quanto ao seu comportamento físico-mecânico, à profissionais da construção civil. Este fato é evidenciado pela constante busca do entendimento e aprimoramento de suas propriedades e necessidade de especificar corretamente seu uso e proporcionamento para evitar o surgimento de manifestações patológicas. Dentro do contexto das manifestações patológicas em revestimento argamassados, particularmente importantes são os problemas relacionados com a insuficiência de aderência, sobretudo em revestimento de argamassa em fachadas, pois a aderência ao substrato está intimamente relacionada a fatores como durabilidade, aspecto visual, estanqueidade e segurança, tanto de usuários da edificação quanto de pedestres. Sobre o mecanismo que possibilita a aderência, além do método de produção e execução da argamassa e a interação dessa com a base de aplicação, outros fatores também demonstram-se importantes, como as condições ambientais durante e após a aplicação. A variação da temperatura, por exemplo, pode desencadear a geração de tensões no revestimento devido à dilatação térmica, tanto da argamassa como da base, podendo prejudicar a aderência. Este trabalho analisou a influência da variação térmica, durantes os três primeiros dias de exposição, na resistência de aderência de revestimentos de argamassa em fachadas, aplicados em substratos cerâmicos. Em ensaios laboratoriais, revestimentos, utilizando três argamassas especificadas por uma construtora de Porto Alegre, foram submetidos a duas condições de exposição durante a cura, sendo determinadas após esse período, as resistências de aderência à tração dos revestimentos as características físicas e mecânicas das argamassas.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/28561
Arquivos Descrição Formato
000769528.pdf (10.37Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.