Repositório Digital

A- A A+

O papel da razão FEF50%/0,5CVF no diagnóstico dos distúrbios ventilatórios obstrutivos

.

O papel da razão FEF50%/0,5CVF no diagnóstico dos distúrbios ventilatórios obstrutivos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O papel da razão FEF50%/0,5CVF no diagnóstico dos distúrbios ventilatórios obstrutivos
Outro título The role of the FEF50%/0.5FVC ratio in the diagnosis of obstructive lung diseases
Autor Rodrigues, Marcelo Tadday
Molinari, Daniel Fiterman
Menna Barreto, Sérgio Saldanha
Fiterman, Jussara
Resumo Objetivo: Avaliar a contribuição de um novo coeficiente, a razão FEF50%/0,5CVF, medida através da curva fluxo‑-volume máximo expiratório, no diagnóstico dos distúrbios ventilatórios obstrutivos (DVOs); testar esse coeficiente na diferenciação entre grupos de pacientes normais, com DVO e com distúrbio ventilatório restritivo (DVR); e estabelecer pontos de corte para cada um dos diagnósticos funcionais e a probabilidade para cada diagnóstico a partir de valores individuais. Métodos: Estudo transversal, prospectivo, com a análise de testes de função pulmonar de 621 pacientes encaminhados ao Hospital de Clínicas de Porto Alegre entre janeiro a dezembro de 2003. Foram coletados dados demográficos e espirométricos. Os pacientes foram divididos conforme o diagnóstico funcional em três grupos: normal; DVO; e DVR. Foram calculadas as razões VEF1/CVF e FEF50%/0,5CVF, e as médias de FEF50%/0,5CVF foram comparadas entre os grupos. Para correlacionar FEF50%/0,5CVF com VEF1/CVF, utilizou-se a correlação de Pearson. Os pacientes foram, então, divididos em dois grupos: com e sem DVO. Foram calculadas as razões de verossimilhança para diferentes pontos de corte. Resultados: A média de idade dos pacientes foi de 55,8  ± 14,7 anos. Houve diferenças significativas nos valores médios de FEF50%/0,5CVF entre os grupos (2,10 ± 0,82, 2,55 ± 1,47 e 0,56 ± 0,29, respectivamente, para normal, DVR e DVO; p < 0,001). Houve uma correlação positiva do FEF50%/0,5CVF com VEF1/CVF no grupo DVO (r = 0,83). Valores de FEF50%/0,5CVF < 0,79 mostraram-se fortes indicadores de DVO e valores > 1,33 praticamente afastam esse diagnóstico. Conclusões: A razão FEF50%/0,5CVF é um parâmetro potencialmente útil para discriminar DVOs, correlacionando-se positivamente com o VEF1/CVF.
Abstract Objective: To evaluate the contribution of a new coefficient, the FEF50%/0.5FVC ratio, obtained from the maximal expiratory flow-volume curve, to the diagnosis of obstructive lung disease (OLD); to test this coefficient in differentiating among patients considered normal, those with OLD and those with restrictive lung disease (RLD); and to determine cut-off points for each functional diagnosis, as well as the probability for each diagnosis based on individual values. Methods: A prospective, cross-sectional study analyzing the pulmonary function of patients referred to the Porto Alegre Hospital de Clínicas, in Porto Alegre, Brazil, between January and December of 2003. We collected demographic and spirometric data. The patients were divided into three groups: normal; OLD; and RLD. We calculated the FEV1/FVC and FEF50%/0.5FVC ratios, and we compared the mean FEF50%/0.5FVC values among the groups. We used Pearson’s correlation test in order to compare FEF50%/0.5FVC with FEV1/FVC. The patients were again divided into two groups: those with OLD and those without OLD. We calculated the likelihood ratio for different cut-off points. Results: The mean age of the patients was 55.8 ± 14.7 years. There were significant differences among the groups in terms of the mean FEF50%/0.5FVC (2.10 ± 0.82, 2.55 ± 1.47 and 0.56  ±   0.29, respectively, for normal, RLD and OLD; p < 0.001). There was a positive correlation between FEF50%/0.5FVC and FEV1/FVC in the OLD group (r = 0.83). We found that an FEF50%/0.5FVC < 0.79 strongly suggests OLD, whereas an FEF50%/0.5FVC > 1.33 practically excludes this diagnosis. Conclusions: The FEF50%/0.5FVC ratio is a potentially useful parameter in the differential diagnosis of OLD and correlates positively with the FEV1/FVC ratio.
Contido em Jornal brasileiro de pneumologia. Brasilia. Vol. 36, n. 1 (jan. 2010), p. 44-50
Assunto Doença pulmonar obstrutiva crônica
Espirometria
Testes de função respiratória
[en] Chronic obstructive
[en] Pulmonary disease
[en] Respiratory function tests
[en] Spirometry
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/29380
Arquivos Descrição Formato
000755296.pdf (307.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.