Repositório Digital

A- A A+

Avaliação de comorbidades em pacientes com psoríase

.

Avaliação de comorbidades em pacientes com psoríase

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação de comorbidades em pacientes com psoríase
Autor Menegon, Dóris Baratz
Orientador Cestari, Tania Ferreira
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Comorbidade
Obesidade
Psoríase
Síndrome X metabólica
Tabagismo
[en] Comorbidities
[en] Metabolic syndrome
[en] Obesity
[en] Psoriasis
[en] Smoking
Resumo Introdução: A psoríase é uma doença inflamatória crônica, que afeta a pele, couro cabeludo, unhas e ocasionalmente as articulações. A prevalência da psoríase varia de 0,6 a 4,8% na população mundial, afetando homens mulheres igualmente. A doença tem sido associada a um maior risco de desenvolvimento de várias comorbidades. O objetivo desse estudo é avaliar a associação entre psoríase e a presença de comorbidades como hipertensão, diabetes, dislipidemia, obesidade, depressão e os hábitos de fumar e ingerir bebidas alcoólicas. Métodos: Estudo caso-controle (psoríase x não psoriásicos) realizado no ambulatório de Dermatologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Foram avaliados os parâmetros de: peso, altura, pressão arterial, circunferência abdominal e diagnóstico de comorbidades. Nos pacientes com psoríase avaliou-se também a estimativa da área corporal acometida. Resultados: O estudo incluiu 350 casos (55,1% mulheres) e 346 controles (63,6% mulheres). A média de idade dos casos em anos foi 49,81 e nos controles 48,5. Os fatores de riscos que apresentaram diferença significativa entre casos e controles estudados foram: cintura abdominal aumentada com p<0,01 e OR=2,1 (IC 95%1,3-3,3); o Índice de Massa Corporal p=0,01 e OR= 1,8 (IC 95%1,1-2,9), tabagismo com p<0,01, OR=2,1 (IC 95%1,4-2,9) e depressão com p < 0,01 e OR=2,1 (IC 95%1,4-3,2). As variáveis triglicerídeos e o consumo habitual de álcool perderam a significância após ajuste para e idade, assim como a hipertensão. Colesterol HDL, diabetes, cardiopatia e comorbidades não listadas não mostraram diferença significativa na amostra. Ao compararmos os pacientes com estimativa de acometimento da área corporal menor e maior que 20%, as comorbidades hipertensão (p=0,03 e OR=1,69 (IC 95% 1,1 - 2,6) e diabetes (p<0,01 e OR= 2,9 (IC 95%1,6-5,4) mostraram diferença significativa. O tabagismo foi mais significativo entre os pacientes com estimativa de acometimento da área corporal menor que 20% (p<0,01 e OR 0,5 (IC 95% 0,3-0,8). As demais variáveis (cardiopatia, síndrome metabólica, depressão, comorbidades não listadas, uso de álcool, cintura abdominal alterada, Índice de Massa Corporal > 25kg/m2, triglicerídeos e colesterol HDL) não mostraram diferença entre os pacientes com maior e menor acometimento da área corporal. Conclusão: Nossos resultados confirmam a prevalência de significantes comorbidades em pacientes com psoríase quando comparado com os controles. Estes achados reforçam a necessidade da implementação de uma rotina de rastreamento para riscos metabólicos e cardiovasculares, assim como orientações sobre o estilo de vida e hábitos saudáveis.
Abstract Introduction: Psoriasis is a chronic inflammatory disease that affects the skin, scalp, nails and occasionally the joints. The prevalence of psoriasis varies from 0.6 to 4.8% of the world population and affects men and women alike. The disease has been associated with an increased risk of several comorbidities. The aim of this study is to evaluate the association between psoriasis and comorbidities such as hypertension, diabetes, metabolic syndrome, dyslipidemia, obesity, depression, smoking and alcohol use. Methods: A case-control study (psoriasis vs. no psoriasis) conducted in the Dermatology Outpatient Service of the Hospital de Clinicas de Porto Alegre. The evaluated parameters were: weight, height, blood pressure, waist circumference and diagnosis of comorbidity. In the patients with psoriasis the affected body surface area was also evaluated. Results: The study included 350 cases (55.1% women) and 346 controls (63.6% women). The average age was 49.81 years in the cases and 48.5 in the controls The risk factors that showed significant differences between the studied cases and controls were: increased waist circumference with p <0.01 and OR = 2.1 (95% CI 1.3 to 3.3), Body Mass Index p = 0.01 and OR = 1.8 (95% CI 1.1 to 2.9), smoking with p <0.01, OR = 2.1 (95% CI 1.4 to 2.9) and depression with p <0. 01, and OR = 2.1 (95% CI 1.4 to 3.2). The variables, triglycerides and habitual consumption of alcohol lost significance after adjustment for age and gender, as did hypertension. HDL cholesterol, diabetes, heart disease and non-listed comorbidities showed no significant difference in the sample. When comparing patients with an estimated involved body surface area smaller and larger than 20%, the comorbidities, hypertension (p = 0.03 and OR = 1.69 (95% CI 1.1 - 2.6) and diabetes (p <0.01 and OR = 2.9 (95% CI 1.6 to 5.4) showed a significant difference. Smoking was more significant among patients with an estimated involved body surface area of less than 20% (p <0.01 and OR 0.5 (95% CI 0.3-0.8). With the other variables (heart disease, metabolic syndrome, depression, non-listed comorbidities, alcohol use, altered waist circumference, Body Mass Index > 25kg/m2, triglycerides and HDL cholesterol) there was no apparent difference between patients with smaller or larger affected body surface areas. Conclusion: Our results confirm the significant prevalence of comorbidities in psoriasis patients compared with controls. The patients with more than 20% of the BSA affected are 1.69 times more likely to have hypertension and 2.9 times more likely to have diabetes. These findings reinforce the need to implement routine screening for metabolic and cardiovascular risks, as well as guidance on lifestyle and healthy habits.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/35888
Arquivos Descrição Formato
000815505.pdf (1.066Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.