Repositório Digital

A- A A+

The orgy is over : phantasies, fake realities and the loss of boundaries in Chuck Palahniuk's Haunted

.

The orgy is over : phantasies, fake realities and the loss of boundaries in Chuck Palahniuk's Haunted

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título The orgy is over : phantasies, fake realities and the loss of boundaries in Chuck Palahniuk's Haunted
Autor Zanini, Claudio Vescia
Orientador Maggio, Sandra Sirangelo
Data 2011
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Baudrillard, Jean 1929-2007.
Critica e interpretacao
Imaginário
Literatura e sociedade
Literatura norte-americana
Palahniuk, Chuck Haunted = Assombro
[en] American literature
[en] Chuck Palahniuk
[en] Hyperreality
[en] Jean Baudrillard
[en] Phantasies
Resumo Este trabalho tem por objetivo apresentar o romance Assombro, de Chuck Palahniuk, como retrato e sintoma do comportamento da sociedade pós-moderna ocidental, cujos valores correspondem, de acordo com palavras do próprio autor, ao “inverso do sonho americano”. A principal característica de tal sociedade é a dificuldade dos indivíduos em lidar com as exigências e constantes mudanças nos âmbitos individual, social e psicológico, o que se configura na obra do escritor estadunidense através de personagens marginais em busca (na maioria das vezes, aparentemente inconsciente) de autoaceitação ou adaptação social. A leitura desenvolvida aqui se baseia principalmente nos escritos do teórico francês Jean Baudrillard, que apresenta o pressuposto de que o mundo contemporâneo encontra-se num estado de “pós-orgia”, assombrado por três fantasmas que o teórico chama de câncer, travesti e terrorismo, os quais simbolizam questões sociais contemporâneas relacionadas à política, sexualidade, comunicação e relacionamentos humanos, entre outros aspectos. Os conceitos de Baudrillard que norteiam a análise são: 'estado de pós-orgia', 'hiperrealidade', 'simulação', 'virulência' e 'sedução' e 'fantasmas'. O trabalho também apresenta as características da literatura de Chuck Palahniuk e sua recém-iniciada fortuna crítica, apontando os principais aspectos da sociedade pós-moderna presentes em suas obras e culminando em um cotejo de Assombro com o gótico e sua vertente pós-moderna, além de uma comparação entre a dinâmica estabelecida entre as personagens do romance e aquela percebida nos reality shows e falsos documentários (mock-documentaries). A conclusão retoma aspectos na estrutura, imaginário e conteúdo do romance, que permitem defini-lo como retrato e sintoma de uma nova configuração social, resultado das inevitáveis mudanças por que o mundo passa.
Abstract This dissertation aims at presenting Chuck Palahniuk‟s novel Haunted as a portrait and symptom of the behavior perceived in the postmodern Western society, whose values, according to the author himself, correspond to “the opposite of the American Dream”. The main characteristic of such society is the individuals‟ difficulty in dealing with demands and constant changes in the individual, social and psychological spheres, a fact observed in the work of this American writer through the presence of marginal characters in a more often than not apparently unconscious search of self-acceptance or social adaptation. The reading proposed is mainly based on the writings of French theoretician Jean Baudrillard, who presents the assumption that the contemporary world is in a “post-orgy” state, haunted by three phantasies he denominates cancer, transvestitism and terrorism, which symbolize contemporary social issues related to politics, sexuality, communication and human relationships, among other aspects. The concepts by Baudrillard that underlie the analysis are: 'post-orgy state', 'hyperreality', 'simulation', 'virulence', 'seduction' and 'phantasies'. The work also presents the features of the literature produced by Chuck Palahniuk and its newly-started critical fortune, highlighting the main aspects of postmodern society present in his works, culminating with an approximation of Haunted to the postmodern variation of Gothic literature, besides a comparison between the dynamics established among the characters in the novel to the one perceived in reality shows and mock-documentaries. The conclusion strengthens aspects in the structure, imaginary and content of the novel that enable the definition of Haunted as portrait and symptom of a new social organization, resulting from the inevitable changes the world goes through.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/36013
Arquivos Descrição Formato
000816861.pdf (3.047Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.