Repositório Digital

A- A A+

Integração produtiva no Mercosul : uma análise dos fatores que interferem no processo de internacionalização da produção de firmas brasileiras

.

Integração produtiva no Mercosul : uma análise dos fatores que interferem no processo de internacionalização da produção de firmas brasileiras

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Integração produtiva no Mercosul : uma análise dos fatores que interferem no processo de internacionalização da produção de firmas brasileiras
Autor Ladeira, Wagner Júnior
Orientador Nique, Walter Meucci
Data 2011
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Integração
Mercosul
Teoria da firma : Produção
[en] Economic blocs
[en] MERCOSUR
[en] Productive integration
[en] Theory of the firm
Resumo A integração produtiva com o MERCOSUL, nos últimos, anos tem recebido uma atenção especial na agenda de políticas internacionais do governo brasileiro. Esse fato pode ser explicado pelo número crescente de empresas brasileiras que procuram integrar sua produção com empresas da Argentina, Uruguai, Paraguai e Venezuela. Dentro desse contexto, o objetivo geral desta tese é analisar as relações funcionais dos fatores relacionados à natureza da firma e à formação de blocos econômicos que interferem nas estratégias de integração produtiva no MERCOSUL. Para entender o objeto de estudo desta tese, foi desenvolvida uma base teórica com foco nas abordagens epistemológicas das estratégias de integração produtiva, na teoria da firma e na formação de blocos econômicos. Logo após, foi apresentado um modelo teórico, fundamentado em hipóteses, as quais são baseadas na abordagem teórica da firma e nos estudos de formação de blocos econômicos. A pesquisa realizada utilizou uma abordagem mista, dividida em três etapas. Na primeira etapa, foram coletados 137 questionários, e serviu para a purificação do instrumento de Coleta de Dados. Na segunda etapa, com a coleta final de 516 respondentes, foi feita a análise dos dados quantitativos. Para isso, utilizou-se a Modelagem de Equações Estruturais (MEE), avaliando individualmente os construtos e discutindo as relações do modelo estrutural e suas hipóteses. Logo após a interpretação dos dados quantitativos, utilizou-se a técnica de análise de conteúdo para interpretar as relações validadas ou não na MEE. Nessa fase, foram realizadas 11 entrevistas semiestruturadas, que tiveram como objetivo analisar os achados teóricos e empíricos do trabalho. Após a validação e análise do modelo, foram feitas as considerações finais dos achados desta pesquisa. Constatou-se que a integração produtiva no MERCOSUL trata-se de um tema evidente, especialmente pelas complexas relações existentes nos fatores que antecedem (influenciam) sua prática. Como pode ser depreendida na base teórica e na análise dos resultados, a materialização dos benefícios da integração envolve um profundo processo de reorganização estratégica da estrutura produtiva das empresas e dos países-membros do MERCOSUL. Desse modo, o presente estudo pretendeu contribuir para a discussão dos estudos de internacionalização da produção em blocos econômicos, incentivando futuros debates que venham a contribuir para a evolução desse campo.
Abstract In recent years, the productive integration with Mercosur has received special attention in the international political agenda of the Brazilian government. This fact can be explained by the increasing number of Brazilian companies that seek to integrate their production with companies in Argentina, Uruguay, Paraguay and Venezuela. Within this context the overall aim of this thesis is to analyze the functional relationships of the factors related to the nature of the firm and the formation of economic blocks that interfere with productive integration strategies in MERCOSUR. To understand the subject matter of this thesis, it was developed a theoretical basis with a focus on epistemological approaches of integration strategies in production, the theory of the firm and the formation of economic blocs. Soon after, it was presented a theoretical model based on assumptions related to the theoretical approach of the firm and in studies about the formation of economic blocs. The survey used a mixed approach, divided into three steps. In the first stage 137 questionnaires were collected. This first stage was the cleansing function of the instrument Data Collection. In the second stage, with the final collection of 516 respondents, it was analyzed the quantitative data. For this matter we used the Structural Equation Modeling (MEE), evaluating the individual constructs and discussing the relationships of the structural model and its assumptions. Soon after the interpretation of quantitative data, we used the technique of content analysis to interpret the relationships validated in the MEE. This phase was conducted by eleven semi-structured interviews aimed to analyze the findings of the theoretical and empirical work. After validation and analysis of the model, it was made the final considerations of the findings of this research. It was found that the productive integration in MERCOSUR is clearly an issue, especially the complex relationships that exist in the factors leading (influencing) their practice. As can be deduced from the theoretical basis and analysis of results, the realization of the benefits of integration involves a thorough process of strategic reorganization of production structures and member countries of MERCOSUR. Thus, this study aimed to contribute to the discussion of studies about the internationalization of production blocs, encouraging future research which may contribute to the evolution of this field.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/37184
Arquivos Descrição Formato
000820260.pdf (3.171Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.