Repositório Digital

A- A A+

Curativos para tratamento de deiscência de feridas operatórias abdominais : uma revisão sistemática

.

Curativos para tratamento de deiscência de feridas operatórias abdominais : uma revisão sistemática

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Curativos para tratamento de deiscência de feridas operatórias abdominais : uma revisão sistemática
Autor Silva, Carolina Giordani da
Orientador Crossetti, Maria da Graça Oliveira
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.
Assunto Cicatrização de feridas
Curativos
Revisão
[en] Dressings
[en] Systematic review
[en] Wound healing
[es] Cicatrización de las heridas
[es] Curativos
[es] Revisión sistemática
Resumo Os prejuízos causados pelo aumento do tempo de permanência hospitalar de um paciente devido ao retardo na cicatrização de feridas têm sido foco de preocupação em diferentes contextos das práticas de saúde. Nesse sentido, o grupo de Prevenção e Tratamento de Feridas (PTTF) do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) vem desenvolvendo estudos sobre esta temática, a fim de contribuir à assistência de pacientes portadores de feridas. Neste sentido, o objetivo deste trabalho foi identificar o curativo prevalente que constitui tratamento para as FOs abdominais com complicações, visando à busca de evidências que possam subsidiar o desenvolvimento de um protocolo institucional para o tratamento das mesmas. Para tanto, desenvolveu-se uma revisão sistemática que teve como pergunta norteadora Qual é o curativo prevalente no tratamento dos pacientes com complicações de feridas operatórias abdominais? Sendo P = paciente cirúrgico com idade igual ou maior que 18 anos, I = tipo de curativo utilizado para o tratamento de FOs abdominais e O = número de dias para a cicatrização. Foram utilizados MeSH controlados e não controlados e operador booleano AND. Foram utilizadas sete base de dados eletrônicas:PubMed, CINAHL, Cochrane, Scopus, Web of Science, Lilacs e Scielo, resultando em 6.107 artigos. Nessa etapa, realizou-se o Teste de Relevância Preliminar, o excluindo as produções através do título e do resumo breve apresentado nos resultados das buscas em cada base, sendo excluídos 5.578 artigos. Os 426 artigos selecionados foram submetidos ao Teste de Relevância I, o qual consistiu na avaliação dos resumos dos estudos. Nessa fase, foram excluídos 372 artigos, pois não estavam em consonância com a questão norteadora. Ao final desse teste, 54 artigos estavam adequados para prosseguir no estudo. Seguiu-se, então, para a avaliação dos estudos na íntegra através do Teste de Relevância II, em que se avaliou a qualidade metodológica, a relevância e a adequação dos resultados em atenção à questão norteadora. Nessa etapa, foram excluídos 19 artigos que possuíam nível de evidência e qualidade metodológica ruim, restando 35 artigos considerados adequados para prosseguir, sendo submetidos ao Teste de Relevância III, o qual avalia a qualidade metodológica dos estudos. Ao final desse teste, decidiu-se excluir os estudos que tivessem nível de evidência maior que 4, escore de qualidade abaixo de 14 e escala de Jadad menor que 3. Assim, foram excluídos nove estudos, compondo a amostra final 26 estudos. Em resposta a questão norteadora, 16 trabalhos apontaram o uso do curativo a VAC como o mais indicado para tratar FOs abdominais que tiveram complicações. Para tanto, recomenda-se pressão negativa de 75 a 125mmHg, com trocas a cada 72 horas, mostrando uma média de cicatrização que variou entre 13,2 e 18 dias. Sugere-se novas pesquisas, como ensaio clínico randomizado, ou estudo de caso controle, para que se possa avaliar a efetividade e a viabilidade da terapia VAC na nossa realidade.
Abstract The damages caused by the increased length of a patient's hospital stay due to a delay in wound healing have been a focus of concern in different health practice contexts. The Wound Prevention and Treatment Group (WPTG) of Porto Alegre's Hospital de Clínicas (HCPA) has been conducting studies on this subject in order to contribute to the care of wounded patients. In this sense, the aim of this study was to identify the dressings used to treat abdominal surgical wounds with complications, in order to look for evidence that supports the development of an institutional protocol for handling these wounds. For this purpose, a Systematic Review was developed, which had as a guiding question: What is the prevalent dressing in the treatment of patients with dehiscence in abdominal surgical wounds? Where P = surgical patients over 18 years old, I = type of dressing used to treat abdominal surgical wounds and O = the number of days for healing the wound. MeSH were used to search for the largest possible number of studies, being used both the controlled and the uncontrolled studies and their connections via the Boolean operator AND. Seven electronic databases were used: PubMed, CINAHL, Cochrane, Scopus, Web of Science, Lilacs, and Scielo. The search for articles in databases resulted in 6,107 articles. At this stage, the Preliminary Test of Relevance was undertaken, analizing articles by the title and the brief summary presented in the search results on each base, resulting in the exclusion of 5,578 articles. The 426 remaining articles were submitted to the Relevance Test I, which consisted in the evaluation of their abstracts. At this stage, 372 articles were excluded because they did not match the research question. At the end of this test, 54 articles were considered appropriate to continue the study. The remaining studies were evaluated in their entirety through the Test Score II, which assessed the methodological quality, relevance and adequacy of the results in their relevance to the research question. At this stage, we excluded 19 articles that had a poor evidence level and methodological quality. The remaining 35 articles that were considered appropriate to proceed were submitted to the Relevance Test III, which assesses the methodological quality of studies. At the end of this test, studies that had an evidence level of more than 4, a quality score below 14 and a Jadad scale of less than 3 were excluded. Thus, 9 studies were excluded, defining a final sample of 25 studies. In response to the guiding question, 16 studies have shown the use of the VAC dressing as the best suited to treat abdominal surgical wounds with complications. To this end, a negative pressure of 75 to 125mmHg is recommended, with changes every 72 hours, showing an average healing ranging from 13.2 to 18 days. Further research is suggestes, such as a randomized clinical trial or a case-control study, so that the effectiveness and feasibility of VAC therapy in our reality can be assessed.
Resumen Los perjuicios causados por el aumento del tiempo de permanencia hospitalaria de un paciente debido al retardo en la cicatrización de heridas ha sido foco de preocupación en diferentes contextos de las prácticas de salud. En este sentido, el grupo de Prevención y Tratamiento de Heridas (PTTF) del Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) viene desarrollando estudios sobre esta temática, a fin de contribuir con la asistencia de pacientes portadores de heridas. En este sentido, el objetivo de este estudio fue identificar los curativos que constituyen tratamiento para las FOs abdominales con complicaciones, visando la búsqueda de evidencias que puedan subsidiar el desarrollo de un protocolo institucional para el tratamiento de las mismas. Por tanto, se desarrolló una Revisión Sistemática que tuvo como pregunta orientadora ¿Cuál es el curativo prevalente en el tratamiento de los pacientes con dehiscencia de heridas operatorias abdominales? P= paciente quirúrgico con edad igual o mayor a 18 años, I= tipo de curativo utilizado para el tratamiento de FOs abdominales y O= número de días para la cicatrización. Fueron utilizadas siete bases de datos electrónicas: PubMed, CINAHL, Cochrane, Scopus, Web of Science, Lilacs y Scielo. Fueron utilizados MeSH controlados y no controlados y operador booleano AND, resultante en 6107 artículos. En esta etapa, se realizó el Test de Relevancia Preliminar, el cual constituye en la exclusión de los artículos a través del título y del resumen breve presentado en los resultados de las búsquedas en cada base, siendo excluidos 5578 artículos. Los 426 artículos seleccionados fueron sometidos al Test de Relevancia I, el cual constituyó en la evaluación de los resúmenes de los estudios. En esta etapa, fueron excluidos 372 artículos, pues no estaban en consonancia con la cuestión orientadora. Al final de este test, 54 artículos fueron considerados adecuados para proseguir en el estudio. Se siguió para la evaluación de los estudios en la íntegra a través del Test de Relevancia II, en el que se evaluó la calidad metodológica, la relevancia y la adecuación de los resultados en atención a la cuestión orientadora. En esta etapa, fueron excluidos 19 artículos que poseían un mal nivel de evidencia y calidad metodológica, restando 35 artículos que fueron considerados adecuados para proseguir, siendo sometidos al Test de Relevancia III, el cual evalúa la calidad metodológica de los estudios. Al final de este test, se decidieron excluir los estudios que tuviesen nivel de evidencia maior a 4, score de calidad por debajo de 14 y escala de Jadad menor a 3. Así, fueron excluidos 9 estudios, componiendo la muestra final 26 estudios. En respuesta a la pregunta orientadora, 16 estudios apuntaron el uso del curativo VAC como el más indicado para tratar FOs abdominales que tuvieron complicaciones. Por tanto, se recomienda presión negativa de 75 a 125mmHg, con cambios cada 72 horas, mostrando un promedio de cicatrización que varió de 13,2 a 18 días. Se sugieren nuevas investigaciones, como un ensayo clínico aleatorio, o estudio de caso control, para que se pueda evaluar la efectividad y viabilidad de la terapia VAC en nuestra realidad.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/37232
Arquivos Descrição Formato
000821097.pdf (3.693Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.