Repositório Digital

A- A A+

Do sertão às artimanhas do narrador : ou investigando o Grande sertão e as suas veredas

.

Do sertão às artimanhas do narrador : ou investigando o Grande sertão e as suas veredas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Do sertão às artimanhas do narrador : ou investigando o Grande sertão e as suas veredas
Autor Alves, Cristiane da Silva
Orientador Sanseverino, Antônio Marcos Vieira
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Crítica literária
Literatura brasileira
Narrativa literária
Rosa, João Guimarães, 1908-1967, Grande sertão: veredas
[en] Grande Sertão: Veredas
[en] João Guimarães Rosa
[en] Narrative
[en] Narrator
Resumo O presente trabalho busca analisar o sertão e as personagens que Guimarães Rosa imortalizou em Grande Sertão: Veredas, focando, principalmente, o modo como o autor aproveita materiais apreendidos da própria experiência, aliando-os a recursos imaginativo-fabulares de que se utiliza amplamente, recriando ou mesmo deformando a realidade em prol do universo ficcional. Igualmente, busca-se averiguar a formação dos homens e o papel das mulheres no ambiente sertanejo criado por Rosa, espaço recoberto por valores masculinos, território violento e, aparentemente, hostil ao elemento feminino. Para tanto, toma-se como base teórica os estudos sobre a família patriarcal realizados por Gilberto Freire em Casa Grande & Senzala e Sobrados e mucambos, bem como os estudos acerca do romance de Guimarães Rosa desenvolvidos por Kathrin Rosenfield e Luiz Roncari, entre outros. Dá-se destaque para a relação de Riobaldo com as mulheres, além de empreender-se uma análise mais apurada da personagem Diadorim, a ―moça virgem‖ que encarna a aparência e os valores de um jagunço destemido a fim de vingar a morte do pai e promover a ordem no sertão. Seguindo o estudo, avalia-se a travessia de Riobaldo, investigando a transformação do protagonista/narrador ao longo da narrativa: de pobre menino, órfão e sem pertences, a chefe destacado e herói, até finalmente tornar-se fazendeiro. Por fim, volta-se a presente análise para o narrador e a confiabilidade de seu relato, enfatizando-se os artifícios empregados ao longo da narração para atrair e/ou ludibriar o interlocutor (e o leitor). Após várias leituras do livro, com o apoio do referencial crítico-teórico, a principal conclusão que se extrai do estudo de Grande Sertão: Veredas é que seu texto, habilmente arquitetado, conduz a uma leitura encantatória e, não raro, ingênua. Quem pretende de fato apreender o livro, deve ser meticuloso e atento, empregando esforço crítico e constantes releituras para desvendar os significados ocultos por detrás de suas paisagens, aventuras e artimanhas narrativas. Espera-se, com este trabalho, promover a reflexão e ampliar as possibilidades de leitura e compreensão da obra rosiana.
Abstract This study aims to analyze the sertão and the characters immortalized by João Guimarães Rosa in Grande Sertão: Veredas (The Devil to Pay in the Backlands), focusing mainly how the author makes a good use of the materials seized from his own experience, combining them with fabled resources that are used widely, recreating or even deforming reality in favor of the fictional universe. Also, we seek to investigate the formation of men and also the role of women in the environment created by Rosa, area covered by masculine values, violent territory, apparently hostile to the feminine element. For this, we take as the theoretical basis the patriarchal family studies performed by Gilberto Freyre in Casa Grande & Senzala and Sobrados e Mucambos, as well as studies developed by Kathrin Rosenfield and Luiz Roncari, among others. We put emphasis on the relationship of Riobaldo with women, with a more thorough analysis of the character Diadorim, the "virgin girl" who embodies the appearance and the values of a fearless jagunço to avenge his father's death and promote order in the sertão. Following the study, we examine the journey made by Riobaldo, investigating the transformation of the protagonist/narrator throughout the narrative: from poor boy, orphaned and without possessions, to prominent chief and hero, until finally he became a farmer. As a final point, this analysis turns to the narrator and the reliability of his report, emphasizing the artifice employed throughout the story to attract and/or deceive the listener (and reader). After several readings of the book, with the support of critical-theoretical reference, the main conclusion to draw from the study of Grande Sertão: Veredas (The Devil to Pay in the Backlands) is your writing, cleverly devised, leading to a spellbinding reading, and often, naive. Who really wants to grasp the book should be careful and attentive, employing critical effort and constant re-readings to uncover the hidden meanings behind its landscapes, adventures and narrative tricks. We hope to promote reflection and broaden the possibilities of reading and understanding of Rosa's work.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/37444
Arquivos Descrição Formato
000821298.pdf (913.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.