Repositório Digital

A- A A+

Enfermeiro na classificação de risco em serviços de emergência : revisão integrativa

.

Enfermeiro na classificação de risco em serviços de emergência : revisão integrativa

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Enfermeiro na classificação de risco em serviços de emergência : revisão integrativa
Autor Lopes, Jenifer Britto
Orientador Karl, Ivana de Souza
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Enfermagem em emergência
Serviço hospitalar de emergência
[en] Emergencies
[en] Emergency nursing
[en] Emergency service
[en] Hospital
[en] Triage
Resumo As emergências são as principais portas de entrada dos usuários no SUS, o que, na maioria das vezes, resulta em superlotação, devido à excessiva demanda. O presente estudo trata-se de uma pesquisa integrativa com o objetivo de conhecer o papel do enfermeiro na implantação da classificação de risco no serviço de emergência. Foram utilizadas pesquisas cadastradas nas bases de dados LILACS, SCIELO e BDENF, por se tratarem de base de dados que utilizam critérios formais para publicação. A busca resultou em um total de 492 artigos. Destes, 29 artigos foram referências selecionadas que atendiam aos critérios de inclusão, das quais somente dez artigos atenderam o objetivo deste estudo. Verificou-se, ao longo do trabalho, a importância do enfermeiro como o referencial na aplicação da classificação de risco, sendo este o profissional qualificado desde a sua formação, direcionado à avaliação integral do paciente e não apenas direcionado ao diagnóstico. A padronização na aplicação do protocolo de risco oferece respaldo legal, institui menor interferência pessoal na conduta e direciona a tomada de decisão mais acurada. Recomenda-se a realização de novos estudos no sentido de analisar as contribuições efetivas do enfermeiro e seu papel estratégico na classificação de risco, para gerir de forma eficiente e eficaz o atendimento ao usuário da emergência.
Abstract Emergencies are the main ports of entry for users in the SUS, which most often results in overcrowding, due to excessive demand. The present study it is an integrative research in order to understand the role of nurses in the implementation of risk rating in the emergency department. We used research registered in the databases LILACS, and SCIELO BDENF, they are related to the database using formal criteria for publication. The search resulted in a total of 492 articles. Of these, 29 articles were selected references that met the inclusion criteria, of which only ten articles met the objective of this study. There was, throughout the work, the importance of the nurse as the benchmark in the application of risk rating, which is the qualified professional since its formation, directed to the full assessment of the patient and not just aimed at the diagnosis. The standardization of the protocol in the application of risk provides legal support, establishing less interference in personal behavior and directs decision making more accurate. It is recommended that further studies in order to analyze the effective contributions of nurses and their strategic role in the classification of risk, to manage efficiently and effectively service user emergencies.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/37529
Arquivos Descrição Formato
000822594.pdf (646.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.