Repositório Digital

A- A A+

Análise dos potenciais evocados auditivos de estado estável em lactantes ouvintes

.

Análise dos potenciais evocados auditivos de estado estável em lactantes ouvintes

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise dos potenciais evocados auditivos de estado estável em lactantes ouvintes
Autor Anschau, Cassandra Caye
Orientador Sleifer, Pricila
Data 2012
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Especialização em Fonoaudiologia, ênfase em Infância.
Assunto Audição
Bebê
Lactente
[en] Auditory evoked potentials
[en] Auditory steady-state response
[en] Infants
[en] Neonatal screening
[en] Normal hearing
Resumo Objetivo: Obter limiares para o potencial evocado auditivo de estado estável, em lactentes nascidos a termo, com audição normal, sem fatores de risco para perda auditiva a fim de avaliar o processo de maturação das respostas e delinear os padrões de normalidade para o mesmo. Métodos: Estudo transversal com 37 lactentes ouvintes, provenientes do Serviço de Triagem Auditiva Neonatal do Hospital Nossa Senhora da Conceição de Porto Alegre, que apresentaram presença de Emissões Otoacústicas Evocadas Transientes e Potencial Evocado Auditivo de Tronco Encefálico em ambas as orelhas. A partir da verificação das respostas de normalidade avaliou-se a resposta ao potencial evocado auditivo de estado estável nas freqüências de 500, 1000, 2000 e 4000 Hz bilateralmente. Resultados: Verificou-se uma similaridade entre os valores médios dos limiares em decibéis nível de audição para o potencial evocado auditivo de estado estável em ambas as orelhas e independentemente do gênero do lactente. Demonstramos uma tendência ao descenso dos valores obtidos com o teste de acordo com o aumento da idade (correlação inversa). Conclusão: Não foi demonstrada diferença interaural e de gênero nos resultados do potencial evocado auditivo de estado estável; entretanto, existe uma correlação inversa entre os limiares desta técnica e a idade.
Abstract Objective: Take ASSR thresholds in term infants with normal hearing, with no risk factors for hearing loss in order to assess the maturation process of responses and research the normality value for auditory steady state response. Methods: Cross sectional study with 37 infants normal hearing, from the Newborn Hearing Screening Service, Hospital Nossa Senhora da Conceição of Porto Alegre, which showed presence of transient evoked otoacoustic emissions and brainstem auditory evoked potential in both ears. From verification of normal responses we evaluated the response to auditory steady state response frequencies of 500, 1000, 2000 and 4000 Hz bilaterally. Results: There was a similarity between the mean values of the thresholds in decibel hearing level for both ears auditory steady state response and regardless of the gender of the infant. We demonstrated a tendency to decrease the test values according to increasing age (inverse correlation). Conclusion: No interaural and gender difference was demonstrated on the results of auditory steady state response; however, there is an inverse correlation between age and thresholds of this technique.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/37938
Arquivos Descrição Formato
000823552.pdf (397.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.