Repositório Digital

A- A A+

Aporias da performance na educação

.

Aporias da performance na educação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Aporias da performance na educação
Autor Conte, Elaine
Orientador Martini, Rosa Maria Filippozzi
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Formação
Performance
Professor
Racionalidade
[en] Education
[en] Expressive formation
[en] Performance
[en] Rationality
Resumo O trabalho discute o conceito de performance na esfera pedagógica, que ficou submetido a uma racionalidade instrumental e objetivista, incidindo na pedagogização dos processos formativos e na orientação para uma educação técnica. Investigar a performance docente, problema pouco estudado sob o ponto de vista teórico e prático, é, portanto, possibilitar a superação da apática limitação do próprio conceito, proveniente da sua redução ao princípio da identidade cientificista e da autoridade didática. Em vista dessa exigência, pretendemos lançar um olhar hermenêutico-reconstrutivo com o intuito de repensar os equívocos nos rumos do debate para sugerir sua compreensão como forma de fazer com que a multiplicidade interpretativa possa interagir de modo comunicativo entre formadores, formandos e interlocutores pedagógicos, aperfeiçoando a competência comunicativa na formação de professores. A tese analisa a dimensão performativa reconstruída pela via da racionalidade comunicativa de Jürgen Habermas e Paulo Freire, em diálogo com outros pensadores, reconhecendo a interdependência das várias formas de argumentação e de inter-relações formativas para justificar a singularidade do trabalho pedagógico, tendo em vista a possibilidade realizadora da fala na educação, que integra e inclui a verdade do mundo objetivo, o moralmente prático e o esteticamente expressivo. Ensinar não consiste apenas num dizer, mas num fazer, num agir, no sentido ético, estético e técnico, isto é, produtivo, formativo e expressivo da comunicação humana. Tal racionalidade poderia satisfazer as demandas estéticas e sociais frente aos reducionismos intelectuais, abrindo espaço à pluralidade e à contingência da prática cotidiana, admitindo justificações argumentadas pelo enfoque performativo que assegura validades em favor de um mundo da ação intersubjetiva, dialógica e humana, que é sempre suscetível de refutação. Tal proposta exigiria entre outras modificações, desenvolver o saber linguístico-expressivo dos professores, a ser construído durante o processo formativo, relativizando as concepções positivistas de competência em benefício de uma racionalidade aprendente, performativa e mais alargada de compreensão do mundo.
Abstract This work discusses the concept of teacher’s performance in the educational sphere, which was subjected to an instrumental and objective rationality, focusing on the pedagogization of formative process and orientation for technical education. The investigation of teaching performance - a problem poorly studied from the theoretical and practical point of view - is, therefore, a means of enabling the overcome of apathetic limitation of the concept itself, descendant of its reduction to a principle of scientific identity and didactic authority. Given this requirement, we intend to cast a hermeneutic-reconstructive glance in order to rethink the mistakes in the debate course to suggest its understandings as a way of making the interpretative multiplicity interact in communicative manners among educators, apprentices and pedagogical interlocutors, improving communicative competence in teacher’s formation. The thesis examines the performative dimension reconstructed by the communicative rationality of Jürgen Habermas and Paulo Freire, in dialogue with other intelectuals, recognizing the interdependence of the various forms of argumentation and formative inter-relations to justify the singularity of the educational work, raising the possibility of speech in education, which integrates and includes the truth of the objective world, the morally practical and aesthetically expressive. Teaching is not only a telling, but rather a doing, an act in an ethic, aesthetic and technical sense, that is, productive, formative and expressive of human communication. Such rationality could satisfy the aesthetic and social demands in face of intellectual reductionism, giving space for plurality and contingency in daily practice, assuming justifications argued by performative approaches which ensure validity in favor of a world of intersubjective action, dialogic and human, which is always susceptible to refutation. This proposal would require, among other changes, the development of linguistic-expressive knowledge of teachers, which should be built during the formative process, relativizing the positivist conceptions of competence in favor of a rationality learner, with a performative and broader comprehension of the world.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/40493
Arquivos Descrição Formato
000828809.pdf (2.583Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.