Repositório Digital

A- A A+

Itinerários terapêuticos em situações de pobreza : diversidade e pluralidade

.

Itinerários terapêuticos em situações de pobreza : diversidade e pluralidade

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Itinerários terapêuticos em situações de pobreza : diversidade e pluralidade
Outro título Therapeutical itineraries in poverty situations: diversity and plurality
Autor Gerhardt, Tatiana Engel
Resumo As práticas e estratégias da população de baixa renda no enfrentamento de problemas cotidianos, sobretudo em relação à procura de cuidados em saúde, são analisadas por meio dos itinerários terapêuticos. Desvendar as formas de enfrentamento dessa população, no que se refere ao seu processo saúde-doença, implica identificar as estratégias individuais e coletivas e os significados destas dinâmicas sociais relacionadas direta ou indiretamente com a saúde. A busca de cuidados terapêuticos é aqui descrita e analisada em relação às práticas sócio-culturais de saúde em termos dos caminhos percorridos pelo indivíduo, na tentativa de solucionar seus problemas de saúde. Para tanto, o estudo indica uma opção metodológica (interdisciplinar e plurimetodologia) e conceitual relacionando conceitos de práticas, estratégias, situações de vida e saúde. Parte-se do princípio de que as formas de enfrentamento dos problemas de saúde demandam a compreensão das estratégias colocadas em prática em um processo de (re)apropriação e (re)construção de saberes. Igualmente importante é a identificação das redes de apoio social, assim como da capacidade individual em mobilizar tais recursos. O reconhecimento dessas práticas permite o (re)direcionamento das ações em Saúde Coletiva.
Abstract The low-income population’s practices and strategies for coping with daily problems, especially in relation to the search for health care, are analyzed by means of therapeutic itineraries. To unveil this population’s coping strategies in relation to their health-disease process means identifying the individual and collective strategies and the meaning of these social dynamics related directly or indirectly to health. The search for treatment is described and analyzed here in relation to socio-cultural practices in terms of the paths chosen by individuals in the attempt to solve their health problems. The study thus indicates an interdisciplinary and multi-methodological and conceptual approach relating concepts of practices, strategies, and health and life situations. The point of departure is that ways of coping with health problems require an understanding of the strategies developed in a process of (re)appropriation and (re)construction of knowledge. It is equally important to identify social support networks and individual capacity to mobilize such resources. The recognition of these practices allows (re)directing actions in collective health.
Contido em Cadernos de saúde pública. Rio de Janeiro. Vol. 22, n. 11 (nov. 2006), p. 2449-2463
Assunto Assistência à saúde
Iniquidade social
Pobreza
Saúde pública
[en] Delivery of health care
[en] Problem solving
[en] Socioeconomic factors
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/49523
Arquivos Descrição Formato
000558403.pdf (352.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.