Repositório Digital

A- A A+

Sementes crioulas : o caso do programa de produção de sementes desenvolvido pela união das associações comunitárias do interior de Canguçu

.

Sementes crioulas : o caso do programa de produção de sementes desenvolvido pela união das associações comunitárias do interior de Canguçu

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sementes crioulas : o caso do programa de produção de sementes desenvolvido pela união das associações comunitárias do interior de Canguçu
Autor Menegoni, Cleider da Cunha
Orientador Conterato, Marcelo Antonio
Co-orientador Oliveira, Daniela
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Tecnólogo em Planejamento e Gestão para o Desenvolvimento Rural a Distância.
Assunto Agricultura familiar
Associativismo
Canguçu (RS)
Desenvolvimento rural
Semente
[es] Agricultura familiar
[es] Asociatividad
[es] Desarrollo rural
[es] Variedades de semillas
Resumo O processo de modernização da agricultura teve como objetivo o aumento da produção e da produtividade da terra e do trabalho, alterando as relações socioeconômicas no espaço agrário brasileiro. A partir de 1960, o Brasil viveu um surto de desenvolvimento agrícola, impulsionado pelo pacote tecnológico estadunidense chamado de “Revolução Verde”. A agricultura familiar, com técnicas rudimentares, que predominava no campo, sofreu grandes transformações, devido às novas tecnologias, mudando a estrutura econômica e social tanto do campo como da cidade. Essas transformações na agricultura mudaram a velha forma de uso e cultivo agrícola, como a utilização de sementes crioulas, que gradativamente foi sendo substituída pela expansão dos monocultivos, com o uso de sementes híbridas e transgênicas (sementes geneticamente modificadas). Assim, o objetivo desta pesquisa é analisar como se dá o programa de produção de sementes crioulas e varietais dos agricultores familiares associados à União das Associações Comunitárias do Interior de Canguçu no Município de Canguçu – RS. Programa esse, que visa resgatar, produzir e comercializar, através da organização associativa e da construção de parcerias com diversas entidades públicas e privadas as espécies de sementes crioulas que hoje não estão tão presentes no convívio e no cotidiano diário dos agricultores familiares. Buscando a valorização da biodiversidade, sua importância social e econômica para o desenvolvimento rural sustentável das famílias produtoras. A metodologia utilizada foi participativa, sendo, a coleta de informações através de trabalho de campo, obtendo dados, por meio de entrevistas semi-estruturadas, observação direta e analises de documentos e registros dos acervos do programa de produção de sementes. O principal impacto sentido pelos agricultores na esfera econômica, com a produção de sementes crioulas, foi à possibilidade de produzir e guardar as suas próprias sementes, com isso sendo independente da indústria para o próximo plantio. Outro grande avanço do programa segundo os agricultores é a maneira com que eles passaram a se relacionar com o meio ambiente e com a própria terra. Ao longo destes anos os agricultores têm discutido novas formas de produção que sejam menos agressivas ao solo e ao meio ambiente como um todo, o processo de produção ainda não é totalmente orgânico, mas busca trabalhar técnicas de manejo que visem à preservação do solo.
Resumen El proceso de modernización de la agricultura tuvo como objetivo el aumento de la producción y la productividad de la tierra y trabajo, cambios en las relaciones socioeconómicas en el espacio agrícola brasileño. Desde 1960, Brasil experimentó una oleada de desarrollo agrícola, impulsado por paquete tecnológico estadounidense llamada la "revolución verde". Familia, con técnicas rudimentarias, que predominan en el campo, la agricultura sufrió grandes transformaciones, debido a las nuevas tecnologías, cambiar la estructura económica y social campo como de la ciudad. Estas transformaciones en la agricultura han cambiado la forma antigua de uso agrícola y cultivo, tales como el uso de semillas de variedades locales, que poco a poco fue reemplazada por la expansión de monocultivos, con el uso de semillas híbridas y OMG (semilla genéticamente modificada). Así, el objetivo de esta investigación es analizar cómo la producción de variedades de semillas y variedades de agricultores familiares asociados con la Unión de asociaciones de la Comunidad del Interior de Canguçu en el municipio de Canguçu – RS. Este programa, que pretende rescatar, producir y comercializar, a través de la organización asociativa y creación de asociaciones con diversas entidades públicas y privadas la especie de variedades de semillas que hoy no están tan presentes en la convivencia cotidiana y diario de agricultores familiares. Buscando la recuperación de la biodiversidad, su importancia social y económica para el desarrollo rural sostenible de las familias productoras. La metodología utilizada es participativa, siendo, recopilación de información a través del trabajo de campo, obtener los datos, a través de entrevistas semiestructuradas, observación directa y análisis de documentos y registros de las explotaciones de programa de producción de semillas. El principal impacto de los agricultores en el ámbito económico, con la producción de variedades de semillas locales, fue la posibilidad de producir y guardar sus propias semillas, con que sea independiente de la industria para la próxima siembra. Otro importante avance del programa de acuerdo con los agricultores es la forma en que se relacionan con el medio ambiente y la propia tierra. A lo largo de estos años los agricultores han discutido nuevas formas de producción que son menos agresivas a la tierra y el medio ambiente en su conjunto, el proceso de producción no es totalmente orgánico, pero buscando trabajo técnicas encaminadas a la conservación del suelo.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/52353
Arquivos Descrição Formato
000820030.pdf (368.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.