Repositório Digital

A- A A+

Competências da enfermeira para a atenção à criança na rede básica de saúde

.

Competências da enfermeira para a atenção à criança na rede básica de saúde

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Competências da enfermeira para a atenção à criança na rede básica de saúde
Autor Silva, Andria Machado da
Orientador Witt, Regina Rigatto
Data 2012
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.
Assunto Atenção à saúde
Atenção primária à saúde
Competência profissional
Criança
Cuidados de enfermagem
Enfermeiros
[en] Child
[en] Nursing
[en] Primary health care
[es] Atención primaria de salud
[es] Enfermería
[es] Niño
Resumo A infância é um período dinâmico do desenvolvimento humano que envolve diversas mudanças nos aspectos biopsicossociais, o que exige um olhar atento dos profissionais de saúde. Para as enfermeiras que atuam nos serviços de atenção básica, torna-se necessário uma pluralidade de competências, ou seja, atitudes, habilidades, conhecimentos e saberes, para atuar na atenção à saúde da criança. Identificar e analisar quais são as competências das enfermeiras necessárias para atenção à criança na rede básica de saúde. Estudo exploratório, descritivo, qualitativo – quantitativo, desenvolvido com a Técnica Delphi. A pesquisa foi realizada com 24 enfermeiras da rede básica de uma região do município de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. Os dados foram coletados com a aplicação de dois questionários distintos. No primeiro questionário, foi solicitado às enfermeiras que listassem três competências necessárias para as enfermeiras no atendimento à criança na rede básica de saúde. As respostas foram compiladas e analisadas por meio da análise de conteúdo do tipo temática, dando origem a quarenta competências, que compuseram o segundo questionário. Este foi repassado ao grupo de enfermeiras para que expressassem sua concordância com uma Escala de Likert com opções de 1 (discordo muito) a 5 (concordo muito) que foi atribuída a cada competência. Este questionário foi analisado quantitativamente, com estatística descritiva por meio de frequência absoluta e percentual, média, mediana, desvio padrão e variância. O critério de consenso para inclusão das competências nos resultados finais foi de que cada competência obtivesse média igual ou maior que 4 e desvio padrão menor ou igual a 1. Das 40 competências resultantes da análise qualitativa, 39 alcançaram consenso, sendo classificadas em seis domínios: valores profissionais, gerenciamento, comunicação e relacionamento com a criança e a família, conhecimento sobre a saúde da criança e a comunidade, articulação com a equipe de saúde e outros serviços de atenção à criança e cuidado integral à criança. A maioria das competências evidenciadas pelo estudo mostra a importância da inclusão da família no cuidado à criança, estando também de acordo com as políticas e programas de atenção à saúde da criança e com a literatura científica. Os achados deste estudo poderão fornecer subsídios para o trabalho dos enfermeiros na assistência à criança nesse nível de atenção à saúde, além de servir para a formação de novos enfermeiros.
Resumen La infancia es un período dinámico del desarrollo humano que involucra varios cambios en los aspectos biopsicosociales, que require ojos atentos de los profesionales de la salud. Para las enfermeras de los servicios de atención primaria es necesario una pluralidad de competencias, como actitudes, habilidades y conocimientos para trabajar con el cuidado de la salud del niño. Identificar y analizar cuáles son las capacidades necesarias de las enfermeras para atender al niño en la red primaria de salud. Estudio exploratorio, descriptivo y cualitativo - cuantitativo, desarrollado con la técnica Delphi. La búsqueda fue realizada con 24 enfermeras de atención primaria de salud del distrito de la ciudad de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. Se recogieron datos con la aplicación de dos cuestionarios separados. En el primer cuestionario, se pidió a las enfermeras una lista de tres habilidades necesarias para el cuidado de niños en la red de atención primaria. Las respuestas fueron compiladas y analizadas por medio de análisis de contenido temático, dando lugar a cuarenta competencias, que comprenden el segundo cuestionario. Esto pasó al grupo de enfermeras para expresar su acuerdo con una Escala de Likert con opciones de 1 (muy en desacuerdo) a 5 (muy de acuerdo) que se asignó a cada competencia. Esta encuesta fue analizada cuantitativamente con estadística descriptiva mediante frecuencia absoluta y porcentaje, media, mediana, desviación estándar y varianza. Los criterios de consenso para la inclusión de las habilidades en los resultados finales fué de que cada competencia se ha obtenido media igual o mayor a 4 y una desviación estándar menor o igual a 1. De las 40 competencias resultantes del análisis cualitativo, 39 años llegó a un consenso, clasificandose en seis áreas: valores profesionales, gestión, comunicación y relación con el niño y la familia, conocimiento de la salud infantil y de la comunidad, enlace con el equipo de salud y otros servicios de cuidado infantil y atención integral a los niños. La mayoría de las habilidades mostradas por el estudio muestra la importancia de incluir a la familia en el cuidado de niños, se ajusta con las políticas y programas de cuidado a la salud de los niños y com la literatura científica. Los resultados de este estudio podrán proporcionar información para el trabajo de los enfermeros en el cuidado de los niños en este nivel de atención a la salud, como también para formación de nuevos enfermeros.
Abstract Childhood is a dynamic time of human development which concerns many changes in the biopsychosocial aspects, and requires a careful attention of the health professionals. It is required, in the primary health care services, which nurses have a plurality of attitudes, skills and knowledge to perform in children’s health care. Identify and analyze what are the required competences to nurses in the children’s primary health care. An exploratory, descriptive, qualitative – quantitative study was developed using the Delphi method. The research was conducted with 24 nurses of the primary health care services of a Health District in Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brazil. The data was collected using two different questionnaires. In the first questionnaire, it was asked to the nurses to list three required competences to nurses who work in the children’s health care services. The answers were compiled and analyzed using a thematic content analysis, and they resulted in forty competences that formed the second questionnaire. This second questionnaire was given to the group of nurses to express their agreement with each one of the competences using the Likert scale with levels from 1 (strongly disagree) to 5 (strongly agree). This questionnaire was analyzed quantitatively with descriptive statistics using absolute and percentage frequencies, average, standard deviation and variance. The criteria of consensus to include the competences in the final results was that each one of them should obtain an average equal or higher than 4 and the standard deviation should be less or equal to 1. Among the 40 resulting competences of the qualitative analysis, 39 reached consensus and were classified in six domains: professional value, management, communication and relationship with child and family, knowledge in children’s health and community, cooperation between the health staff and other children’s health and integral care. Most of the competences evidenced in this study shows the importance of including family in child care, agree with the policies and programs of children’s health care and with scientific literature. The findings of this research can provide a basis for the work of nurses in the assistance to children in this level of health care, besides its relevance in the training of new nurses.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/55427
Arquivos Descrição Formato
000858170.pdf (3.810Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.