Repositório Digital

A- A A+

Democracia sem democratas : uma análise da crise política no governo João Goulart ( 1961-1964)

.

Democracia sem democratas : uma análise da crise política no governo João Goulart ( 1961-1964)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Democracia sem democratas : uma análise da crise política no governo João Goulart ( 1961-1964)
Autor Mendonça, Daniel de
Orientador Pinto, Celi Regina Jardim
Data 2006
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Ciência Política.
Assunto Brasil. Presidente (1961-1964 : João Goulart).
Crise politica
Democracia
Goulart, João 1918-1976.
Governo
Resumo Esta tese tem por objetivo analisar os discursos dos principais sujeitos políticos envolvidos nos dois momentos de maior instabilidade política do governo João Goulart, a saber: primeiramente, o momento da crise sucessória decorrente da renúncia de Jânio Quadros em agosto de 1961 e o segundo momento, entre 13 e 31 de março de 1964, marcado pela crise dos últimos dias do governo Jango. Para cada um desses momentos, serão analisados os discursos dos diversos grupos políticos que atuaram em tais episódios, a partir das categorias “diagnósticos de desordem” e “soluções de ordem”, à luz da Teoria do Discurso de Ernesto Laclau e Chantal Mouffe.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/5802
Arquivos Descrição Formato
000520805.pdf (1.514Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.