Repositório Digital

A- A A+

A pegada ecológica dos incidentes rodoviários

.

A pegada ecológica dos incidentes rodoviários

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A pegada ecológica dos incidentes rodoviários
Outro título Ecological footprint of road incidents
Autor Dexheimer, Leticia
Orientador Lindau, Luis Antonio
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.
Assunto Acidentes de trânsito
Pegada ecológica
Rodovias
Sustentabilidade
[en] Ecological footprint
[en] GHG emissions
[en] Road incidents
Resumo Este estudo tem por finalidade modelar a pegada ecológica de incidentes rodoviários que interrompem o fluxo normal de circulação. A pegada ecológica é um indicador que mede o impacto das atividades humanas em quantidades de áreas de terra, água e energia utilizadas para sustentar uma população de determinada região. Em transportes, esse impacto é medido pela área hipotética que deveria ser reservada para a absorção do CO2 emitido que tem constituído, nos últimos anos, a fatia mais significativa das pegadas ecológicas na maioria dos países. A vantagem de utilizar essa abordagem reside na facilidade de entendimento, na simplicidade e na utilização de uma unidade única de comparação entre emissões de diferentes setores. O método proposto e aplicado neste trabalho proporciona a identificação dos impactos dos incidentes, particularmente acidentes viários e obras de manutenção viária, em termos de pegada ecológica. O estudo de caso constou de uma rodovia de pista simples cujas emissões foram avaliadas com a utilização de simulação de tráfego. Como resultado obteve-se uma pegada ecológica de cerca de 2.180 hectares decorrente dos incidentes ao longo de um ano de operação da via. Este valor corresponde a 4% da pegada ecológica da via em condições normais de operação. Ainda, os resultados indicam que os incidentes com maior impacto sobre o meio ambiente são as obras para a manutenção da rodovia que contribuem com 60% do total gerado pelos incidentes.
Abstract The purpose of this study is to model the ecological footprint of road incidents that interrupt the normal flow of vehicles. The ecological footprint is an accounting framework that measures the impact of human activities considering amounts of land, water and energy areas used to sustain the population of a region. In transportation, this impact is measured by the hypothetical area required to absorb CO2 emissions from burning fossil fuels that has been responsible, over the last years, for the largest share of the ecological footprint of nations. The advantage of using this approach is the ease of understanding, simplicity and the use of a single unit for comparing emissions from different sectors. The method proposed and deployed in this work enables identifying the impact of incidents, basically road accidents and maintenance works, on the transportation ecological footprint. The case study was composed of a single lane highway whose emissions were evaluated with the use of traffic simulation. We obtained an ecological footprint of 2,180 ha due to road incidents over a period of one year. This corresponds to 4% of the ecological footprint of normal road operations. Results also indicate that the incidents with the greatest impact on the environment are the works for the maintenance of the highway which contribute with 60% of the total value.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/61381
Arquivos Descrição Formato
000864275.pdf (1.380Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.