Repositório Digital

A- A A+

Gestão de pessoas e saúde do trabalhador: uma proposta interdisciplinar e intersetorial

.

Gestão de pessoas e saúde do trabalhador: uma proposta interdisciplinar e intersetorial

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Gestão de pessoas e saúde do trabalhador: uma proposta interdisciplinar e intersetorial
Autor Luz, Patricia de Oliveira
Orientador Sarria Icaza, Ana Mercedes
Data 2012
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Gestão em Saúde UAB.
Assunto Gestão de pessoas
Saúde do trabalhador
Saúde pública
[en] Interdisciplinarity
[en] Intersectoriality
[en] Occupational health
[en] People management
Resumo Com este trabalho objetivou-se avaliar as ações desenvolvidas por um grupo interdisciplinar e intersetorial da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Entendendo que trabalho, saúde e gestão devam ser seguimentos tratados de maneira indissociável quando se pensa em um atendimento integral ao trabalhador, este estudo vem colaborar com a discussão neste âmbito. Neste sentido, a aproximação entre os setores responsáveis tanto pela Gestão de Pessoas quanto pela Saúde do Trabalhador, bem como, a análise desta aproximação, mostra-se fundamental para pensar ações que contemplem a complexidade que envolve o tema. Neste estudo, procurou-se verificar se as ações desenvolvidas pelo grupo atendem o que prevê a legislação sobre a saúde do servidor público federal, em especial com relação à prevenção e promoção. Para isso, descreveu-se a sistemática de trabalho do grupo, além de apresentar-se a legislação sobre a saúde do servidor público federal, bem como, indicou-se se há e quais são as limitações nas ações desenvolvidas no que se refere ao atendimento do que prevê a legislação. A metodologia utilizada foi a de estudo de caso a partir de dois instrumentos principais: as "memórias", redigidas a cada encontro, referentes ao ano de 2011 e discussões com o grupo a partir do referencial do grupo focal. Os resultados demonstram que as ações desenvolvidas pelo grupo atendem o que estabelece a legislação no que se refere ao atendimento integral do servidor. Isto se dá através de uma equipe interdisciplinar e intersetorial, o que também está previsto na legislação. Como limitação, avaliou-se principalmente a falta de ações que atuem mais nos coletivos de trabalhadores, o que impacta principalmente na área preventiva e de promoção à saúde.
Abstract This work aimed to evaluate the actions developed by an interdisciplinary and intersectoral group of the Pro-Rectory of People Management at the Federal University of Rio Grande do Sul. Understanding that work, health and management must be segments treated inseparably when thinking about an integral care to the employee, this study has been collaborating with the discussion in this area. In this sense, the approach between sectors responsible both for the People Management and Occupational Health, as well as the analysis of this approach, has proven to be crucial when thinking about actions that address the complexity that surrounds this subject. In this study, we tried to determine whether the actions taken by the group meet what the legislation provides for the health of federal public servants, especially in relation to its prevention and promotion. In this regard, the systematic work of the group has been described and the legislation about the health of federal public servants has been presented. Moreover, the limitations on the actions taken have been evaluated in order to indicate if there are and which they are according to what the law provides. The method which has been used was the case study from two main instruments: the “memories”, written at every encounter, for the year 2011 and discussions with the group from the focus group reference. The results demonstrate that the actions taken by the group meet the legislation established in relation to the integral assistance to the server. This is done through an interdisciplinary and intersectoral team, which is also under the law. As a limitation, we evaluated the lack of actions that work more in groups of workers, which impacts mainly in the area of prevention and promotion of health.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/67750
Arquivos Descrição Formato
000871534.pdf (158.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.