Repositório Digital

A- A A+

Maternidade distanciada : vivências de mães sobre o ajuste entre maternidade e profissão, da gestação ao retorno ao trabalho

.

Maternidade distanciada : vivências de mães sobre o ajuste entre maternidade e profissão, da gestação ao retorno ao trabalho

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Maternidade distanciada : vivências de mães sobre o ajuste entre maternidade e profissão, da gestação ao retorno ao trabalho
Autor Leal, Cláudia Luiz
Orientador Martins, Gabriela Dal Forno
Data 2013
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Especialização em Psicologia, ênfase em Infância e Família.
Assunto Gestantes
Maternidade
Trabalho : Mulher
[en] Career
[en] Coping strategies
[en] Motherhood
Resumo A maternidade por si só já é um momento de grande reestruturação familiar, onde se exige, especialmente da mulher, uma adaptação ao novo papel. Nos tempos atuais, além dos cuidados ao bebê, cada vez mais se percebe mães inseridas no mercado de trabalho, tendo que fazer ajustes importantes entre maternidade e profissão. Neste processo, mostra-se essencial a identificação materna das suas próprias necessidades, utilizando estratégias para enfrentar esta nova fase, tendo a creche como rede de apoio. O objetivo deste trabalho foi investigar as vivências de mulheres primíparas em relação ao ajuste entre maternidade e profissão, da gestação ao retorno ao trabalho, quando seus filhos ingressaram na creche. Participaram do estudo três mulheres que estavam exercendo pela primeira vez a maternidade. Os resultados indicaram que as mães conseguiram de certa forma lidar com a ambivalência entre maternidade e trabalho, fazendo uso de diversas estratégias de enfrentamento, desde as mais práticas, como inserir e adaptar o bebê à sua rotina profissional e colocá-lo numa creche de confiança, até aquelas mais de cunho emocional, como a desidealização do papel materno e a ênfase nas mudanças comportamentais e reações emocionais positivas da criança com a entrada na creche. Concluiu-se que, com isso, as mães puderam adaptar-se à maternidade, sem terem que abdicar completamente de suas necessidades pessoais, o que contribuiu para a manutenção de sua autoestima.
Abstract Motherhood, in itself, is a time of great family restructuring, which requires, particularly for women, an adaptation to a new role. Nowadays, in addition to baby care, mothers are increasingly enteringto the labor market, having to make adjustments between motherhood and career. In this process, it’s essential the maternal identification of their own needs, using strategies to face this new phase, with the child care center as a support network. The objective of this study was to investigate the experiences of primiparous women in relation to the adjustment between motherhood and career, from pregnancy to return to work, when their children enrolled in child care center. Participants were three women who were exercising for the first motherhood. The results indicated that mothers could somehow deal with the ambivalence between motherhood and work, making use of a lot of coping strategies, from the most practical, as the baby’s enter and adaptation to your professional routine and put him in a confidence child care center, to those most emotional, as the not idealization of the maternal role and emphasis on behavioral changes and positive emotional reactions to child's entry into child care center. It was concluded that the mothers were able to adapt to motherhood, without having to completely abdicate their personal needs, contributing to the maintenance of their self-esteem.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/70909
Arquivos Descrição Formato
000877983.pdf (1.003Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.