Repositório Digital

A- A A+

Narrativas de jovens : experiências de participação social e sentidos atribuídos às suas vidas

.

Narrativas de jovens : experiências de participação social e sentidos atribuídos às suas vidas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Narrativas de jovens : experiências de participação social e sentidos atribuídos às suas vidas
Autor Perondi, Maurício
Orientador Stephanou, Maria
Data 2013
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Cultura
Juventude
Narrativa
Participação social
[en] Social participation
[en] Young people narratives
[en] Youth cultures
[en] Youths
Resumo A tese busca compreender os sentidos expressos por jovens acerca de suas experiências de participação social, desenvolvidas em diferentes coletivos. Propõe uma análise compreensiva de narrativas desses jovens, da Região Metropolitana de Porto Alegre-RS, no ano de 2011, todos participantes de diferentes coletivos, a saber: Instituto Ingá (juventude e movimento ecológico); cursinho Pré-Vestibular Zumbi dos Palmares (juventude e educação popular); Instituto Cultural Afro- Sul/Odomodê (juventude e valorização das diferenças étnico-raciais); e Campanha Nacional Contra a Violência e o Extermínio de Jovens, das Pastorais da Juventude do Brasil (juventude e violência/direitos humanos). A partir de uma metodologia de cunho qualitativo, contou com a participação direta de jovens na produção dos dados empíricos. Os referenciais foram tomados de autores que tematizam as juventudes, as culturas juvenis, a participação social e os sentidos de participação no mundo contemporâneo, em especial Carles Feixa Pàmpols, Alberto Melucci, José Machado Pais, Regina Novaes, Marília Pontes Sposito, Paulo Carrano, Helena Abramo, Juarez Dayrell e Maritza Urteaga. O tratamento do corpus empírico inspirase no método de análise de dados conhecido como Método Documentário de Interpretação, que propõe dois momentos: o da interpretação formulada (abordagem compreensiva das narrativas de jovens) e o da interpretação refletida (análises, comparações e organização de categorias e temas a partir das narrativas). Os dados empíricos estão organizados em três eixos, que adotam uma caracterização temporal: a) o eixo dos sentidos do passado, b) o eixo dos sentidos do presente e c) o eixo dos sentidos do futuro. No primeiro, os jovens narram diversas experiências que foram significativas em suas trajetórias nos coletivos em que atuam e os sentidos produzidos a partir delas. Destacam-se os processos de identificação, de crescimento pessoal, a superação de dificuldades e conflitos, as relações intergeracionais e as experiências profissionais. No segundo, os jovens assinalam alguns sentidos produzidos a partir dos grupos e que são definidores para suas experiências no presente, entre os quais se encontram os sentidos pessoais, de sociabilidade, de missão, os sentidos formativos e os resultados. No terceiro, eles expressam sentidos de futuro que o envolvimento nos coletivos oportuniza, e que influenciam a dimensão profissional, as topias e utopias, em convicções de um futuro incerto e em como suas vidas seriam diferentes caso não participassem desses grupos. Por fim, a partir do estudo realizado é possível afirmar que a participação dos jovens nos coletivos em que atuam produz sentidos demarcadores em seus itinerários pessoais, tanto no passado como no presente assim como no futuro.
Abstract This dissertation seeks to understand the resulting meanings of the narratives of young people about their social participation, as developed from their involvement in four specific experiences. It is a proposal for comprehensive analysis seeking to realize what young people, all of which are from the Metropolitan Area of Porto Alegre city, tell (or narrate) about their life experiences and what meaning these experiences themselves have for their lives. Young people of four groups are involved in the research. These groups are: Instituto Inga (youth and ecological movement); preparatory curse for college admission exams Zumbi dos Palmares (youth and popular education); Instituto Cultural Afro-Sul/Odomode (youth and the recognition of ethnical and racial differences); and the Campanha Nacional Contra a Violencia e o Exterminio de Jovens das Pastorais da Juventude do Brasil (youth and violence/human rights). From a qualitative methodology, this study has a direct participation of young people in the production of its empirical data. Its theoretical frameworks brings about authors that reflect on youths, youth cultures, social participation and their sense of participation in the contemporary world. Some of the authors on the basis of this research are Carles Feixa Pampols, Alberto Melucci, Jose Machado Pais, Regina Novaes, Marilia Pontes Sposito, Paulo Carrano, Helena Abramo, Juarez Dayrell and Maritza Urteaga. The form the empirical data is considered is inspired in the analytical method known as Documented Method of Interpretation, which proposes two parts: the one related to the formulated interpretation (comprehensive approach of the narratives of the young people involved) and the one related to the reflected interpretation (analysis, comparison, and organization of categories and themes from the narratives). Such empirical data are organized in three time axes which adopt a time aspect: a) the axe of the senses (meanings) of the past; b) the axe of the senses (meanings) of the present; and c) the axe of the senses (meanings) of the future. In the first one, the young participants narrate several experiences that were relevant, meaningful, for them in their own career in the groups in which they work, as well as the senses (meanings) produced from such experiences. Amongst them may be noted the processes of identification, or personal growth, of overcoming difficulties and conflicts, as well as some intergenerational relations and professional experiences. In the second one, it may be seen that the young people involved highlight some meanings produced from the groups they belong to and that are relevant for defining their experiences in the present; among these are the personal, the sociability, the mission senses (meanings), as well as the senses of formation and of findings. In the third one, participants express their senses of future that their involvements in the groups have proposed to them and that have influenced in their professional dimension, “topias” and “utopias”, convictions of a uncertain future as well as in how their lives would be different if they had not participate in these organizations. Lastly, from this dissertation it is possible to state that the youth participation in the organizations in which they work produces sense indicators or markers for their personal itineraries in the past, in the present and in the future.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/72693
Arquivos Descrição Formato
000885296.pdf (2.683Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.