Repositório Digital

A- A A+

Salmonella enterica : isolamento e soroprevalência em suínos abatidos no Rio Grande do Sul

.

Salmonella enterica : isolamento e soroprevalência em suínos abatidos no Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Salmonella enterica : isolamento e soroprevalência em suínos abatidos no Rio Grande do Sul
Outro título Salmonella enterica : isolation and seroprevalence in swines slaughtered in Rio Grande do Sul
Autor Schwarz, Patrícia
Calveira, J.
Sella, Alessandra B.
Bessa, Marjô Cadó
Barcelos, David Emilio Santos Neves de
Cardoso, Marisa Ribeiro de Itapema
Resumo Estudou-se a prevalência de Salmonella spp. em suínos ao abate e compararam-se os resultados obtidos no isolamento e na sorologia de modo a determinar a fase mais importante de infecção (granja ou transporte/espera pré-abate) em relação ao número de suínos portadores encontrados ao abate. Foram avaliados 40 rebanhos de três diferentes empresas do sul do Brasil, com colheitas de sangue e linfonodos mesentéricos de 20 animais por lote. O soro foi submetido ao ELISA produzido com antígeno somático de Salmonella Typhimurium. A frequência de isolamento variou de 62,5% a 85,0%, enquanto a soroprevalência de 73,8% a 83,2% nos três sistemas amostrados. Os sorovares mais prevalentes foram Agona, Typhimurium e Panama. A infecção dos animais ocorreu nas granjas produtoras de suínos nestes sistemas de produção, pois os lotes apresentaram elevada soroprevalência ao abate. Concluiu-se que o controle da infecção por Salmonella spp. no sul do Brasil deve iniciar-se pela implementação de medidas de profilaxia nas granjas de produção de suínos.
Abstract The prevalence of Salmonella in slaughtered swines was evaluated and the results of serology and Salmonella isolation were compared to determine the most important stage of the infection (on-farm or transport and pre-slaughter) in relation to the number of carrier animals found at slaughter. Forty herds from three different swine raisers of the southern region of Brazil were sampled at slaughter. Blood and mesenteric lymph nodes were collected from 20 swines of each herd. Serum samples were submitted to ELISA including somatic antigens of S. Typhimurium. Salmonella was isolated from 62.5% to 85.0% of the animals, while seroprevalence varied from 73.8% to 83.2% in the three swine raisers. Serovar Agona, Typhimurium, and Panama were the most prevalent among the Salmonella isolates. Isolation and serological results demonstrated that Salmonella infection occurred during the on-farm stage, since a high seroprevalence was detected at slaughter. It was concluded that a Salmonella control program in southern Brazil must be started with the implementation of intervention measures at farm level.
Contido em Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia. Belo Horizonte. vol. 61, n.5 (out. 2009), p.1028-1034
Assunto Salmonella enterica
Suinocultura
[en] Prevalence
[en] Salmonella
[en] Slaughter
[en] Source infection
[en] Swine
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/77059
Arquivos Descrição Formato
000734370.pdf (191.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.