Repositório Digital

A- A A+

Belostoma dilatatum (Dufour) (Hemiptera, Belostomatidae) hosting metacercariae of Stomylotrema vicarium Braun (Digenea, Stomylotrematidae) in southern Brazil

.

Belostoma dilatatum (Dufour) (Hemiptera, Belostomatidae) hosting metacercariae of Stomylotrema vicarium Braun (Digenea, Stomylotrematidae) in southern Brazil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Belostoma dilatatum (Dufour) (Hemiptera, Belostomatidae) hosting metacercariae of Stomylotrema vicarium Braun (Digenea, Stomylotrematidae) in southern Brazil
Outro título Belostoma dilatatum (Dufour) (Hemiptera, Belostomatidae) hospedando metacercárias de Stomylotrema vicarium Braun (Digenea, Stomylotrematidae) na região Sul do Brasil
Autor Amato, Suzana Bencke
Amato, Jose Felipe Ribeiro
Resumo Baratas-d’água (heterópteros aquáticos), Belostoma dilatatum (Dufour, 1863), foram coletadas em canais ao lado de taipas e córregos em plantações de arroz, no Município de Eldorado do Sul, grande Porto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul, região Sul do Brasil. Cinco espécimes foram examinados com o objetivo de detectar a presença de metacercárias de trematódeos digenéticos. Quatro deles (80%) estavam positivos para cistos de metacercárias de Stomylotrema vicarium Braun, 1901. As intensidades de infecção variaram de 1 a 16 metacercárias por hospedeiro (média de 7,6). Os cistos eram esbranquiçados, translúcidos, e estavam soltos entre as vísceras, nas cavidades abdominal e torácica dos hemípteros. Belostoma dilatatum é um novo registro de hospedeiro para metacercárias de trematódeos digenéticos da família Stomylotrematidae, assim como este é o primeiro registro de hemípteros aquáticos servindo como segundo hospedeiro intermediário de trematódeos digenéticos no Brasil.
Abstract Giant water bugs (aquatic Heteroptera), Belostoma dilatatum (Dufour, 1863), were collected in rice plantation water canals, in the Municipality of Eldorado do Sul, outskirts of Porto Alegre, State of Rio Grande do Sul, southern Brazil. Five specimens were dissected with the objective of finding metacercariae of digenetic trematodes. Four of them (80%) were positive for metacercarial cysts of Stomylotrema vicarium Braun, 1901. The intensities of infection varied from 1 to 16 metacercariae per host (average 7.6). The cysts were whitish, translucent, and found loose among the viscera, in the abdominal and thoracic cavities. Belostoma dilatatum is a new host record for metacercarial cysts of stomylotrematid digenetic trematodes and this is the first time that aquatic hemipterans are recorded as second intermediate hosts of digenetic trematodes in Brazil.
Contido em Revista Brasileira de Zoologia. Curitiba, PR. Vol. 23, n. 1 (mar. 2006), p. 307-310
Assunto Belostoma dilatatum
Eldorado do Sul (RS)
Helmintologia
Hospedeiro
Stomylotrema vicarium
[en] Heteroptera
[en] Neotropical
[en] Rio Grande do Sul
[en] South America
[en] Trematode
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/79414
Arquivos Descrição Formato
000604381.pdf (3.323Mb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.