Repositório Digital

A- A A+

Placas cerâmicas texturizadas : avaliação de tratamentos de manchas superficiais por argamassa de rejuntamento

.

Placas cerâmicas texturizadas : avaliação de tratamentos de manchas superficiais por argamassa de rejuntamento

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Placas cerâmicas texturizadas : avaliação de tratamentos de manchas superficiais por argamassa de rejuntamento
Autor Lopes, Camila Viviane
Orientador Masuero, Angela Borges
Co-orientador Pfeifer, Alfredo Kuhn
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Civil.
Assunto Engenharia civil
Resumo O uso de revestimentos cerâmicos em fachadas está, normalmente, associado à estética e ao aspecto de limpeza prolongada. Isso porque as placas cerâmicas para revestimento apresentam elevada estanqueidade, característica que aumenta o período entre manutenções do sistema. No entanto, em alguns casos, o contato entre placas cerâmicas de elevada textura com a argamassa de rejuntamento ocasionam manchamentos durante a execução do sistema de revestimento cerâmico, ou seja, configura-se uma incompatibilidade entre materiais, que pode ser solucionada com o uso de tratamentos superficiais, em geral, de caráter não permanente. Os tratamentos disponíveis para solucionar tal problema podem ser de proteção ou de correção. Dessa forma, este trabalho apresenta e testa tais tratamentos, com o objetivo de evitarem o manchamento permanente da placa cerâmica, do ponto de vista de alteração da propriedade cromática. Para tanto, foram ensaiados diferentes tipos de tratamentos de proteção (cera, verniz e hidrofugante) e tratamentos corretivos à base de produtos ácidos (fosfórico e clorídrico). Além disso, o tempo de limpeza também variou em dois níveis (15 min e 40 min). Todos os tratamentos apresentaram alteração cromática, sendo que a menor variação total (diferença entre o final do processo e a placa no estado original), com percepção muito pequena, é alcançada para os dois produtos à base de ácido, seguido da aplicação de cera. O tratamento que apresentou o pior desempenho, do ponto de vista de alteração de cor, foi o hidrofugante. O verniz apresenta bons resultados quanto à alteração de cor devido somente ao manchamento por argamassa de rejuntamento, já que modifica as características da superfície e, por consequência, altera a cor da placa cerâmica. A cera apresenta pequena variação cromática total para o tempo de limpeza de 15 min, porém a aplicação em excesso causa manchamento na superfície da placa cerâmica devido ao produto.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/79759
Arquivos Descrição Formato
000896817.pdf (8.541Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.