Repositório Digital

A- A A+

Dimorfismo sexual e estabilidade no crescimento somático e em componentes da aptidão física: análise longitudinal em crianças e adolescentes

.

Dimorfismo sexual e estabilidade no crescimento somático e em componentes da aptidão física: análise longitudinal em crianças e adolescentes

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Dimorfismo sexual e estabilidade no crescimento somático e em componentes da aptidão física: análise longitudinal em crianças e adolescentes
Autor Garlipp, Daniel Carlos
Orientador Gaya, Adroaldo Cezar Araujo
Data 2006
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Programa de Pós-Graduação em Ciência do Movimento Humano.
Assunto Adolescente
Aptidão física
Crescimento
Criança
[en] Child’s and adolescents
[en] Growth
[en] Physical fitness
Resumo O estudo do desenvolvimento tanto do crescimento somático como da aptidão física ao longo da ontogênese dos indivíduos, principalmente durante o período da infância e adolescência, é de fundamental importância, pois oferece aos profissionais da área da saúde, do desenvolvimento motor e da Educação Física, instrumentos através dos quais possam fundamentar as suas ações. Para tanto, os objetivos gerais deste estudo são: (1) avaliar o dimorfismo sexual no intuito do entendimento da variabilidade interindividual tanto do crescimento somático como em componentes da aptidão física; (2) avaliar a existência de estabilidade tanto do crescimento somático como em componentes da aptidão física como forma de possibilitar a prognose de resultados a partir de um ou mais pontos conhecidos. O estudo é do tipo ex-post-facto, com técnica descritiva e comparativa, com análise de corte longitudinal. A amostra constou de 212 sujeitos, sendo 98 (46,2%) do sexo masculino e 114 (53,8%) do sexo feminino, divididos da seguinte forma: Coorte 1- sete a onze anos, Coorte 2- oito a doze anos, Coorte 3- nove a treze anos, Coorte 4 - dez a quatorze anos de idade. Para o crescimento somático, foram analisadas a estatura e a massa corporal. Os componentes da aptidão física analisados foram a força-resistência abdominal, flexibilidade, resistência geral e força explosiva de membros inferiores. Para a análise dos dados foi, realizado um estudo exploratório avaliando os pressupostos essenciais da análise paramétrica. A normalidade das distribuições foi testada pelo teste de Shapiro-Wilks, e a homogeneidade das variâncias com o teste de Levene. Na análise inferencial, quanto ao dimorfismo sexual foram utilizados: (a) Análise de Variância Univariada (ANOVA), para verificar as possíveis diferenças entre os sexos ao longo das idades; (b) Análise de Covariância (ANCOVA), para verificar a influência da estatura e massa corporal na aptidão física, em cada idade; (c) Análise para Medidas Repetidas, para verificar a influência do tempo no desenvolvimento do crescimento somático e dos componentes da aptidão física. Quanto à estabilidade, foi utilizada a auto-correlação (cálculo dos valores de correlação de Spearman entre idades). O nível de significância adotado foi de 5%. Para todas as análises estatísticas foi utilizado o programa estatístico SPSS for Windows 10.0. Como principais resultados, quanto ao dimorfismo sexual, não foi possível traçar um padrão de diferenciação entre os sexos em nenhuma das variáveis analisadas, tendo em vista a enorme complexidade com que se apresentaram as diferenças ao longo das quatro coortes. As covariáveis estatura e massa corporal não parecem exercer influência significativa na performance dos testes físicos analisados. O tempo exerce influência significativa na mudança das médias, ao longo das idades, nas quatro coortes, no crescimento somático (estatura e massa corporal) e nas variáveis de força (força-resistência abdominal e força explosiva de membros inferiores). Nas variáveis flexibilidade e resistência geral, em algumas coortes, não houve influência significativa do tempo. Quanto à estabilidade, com uma análise mais geral, podemos inferir que a estatura e a massa corporal apresentam estabilidade considerada alta. A força-resistência abdominal, a flexibilidade e a força explosiva de membros inferiores apresentam estabilidade entre moderada e alta. Enquanto que a resistência geral apresenta uma estabilidade considerada moderada. Entretanto, tendo em vista a forte complexidade dos resultados obtidos, ao longo das quatro coortes, esses devem receber certa parcimônia quanto a possíveis afirmações referentes à estabilidade, tanto do crescimento somático, como dos componentes da aptidão física analisados.
Abstract The somatic growth and physical fitness development study during the childhood and the adolescent is of fundamental importance, because offer to health’s, motor development’s, and physical education’s professionals instruments to establish their actions. The general objectives of this study are: (1) to evaluate the sexual dimorphism to understand interindividual variability so in the somatic growth so in the physical fitness components; (2) to evaluate the tracking so in the somatic growth so in the physical fitness components like a way to enable the prognosis of the results from one or more known points. The study is of the ex-post-facto type, with descriptive and comparative technique, with longitudinal analyzes. The sample was compound by 212 subjects (98 - 46,2% - masculine and 114 - 53,8% - feminine), divided of this way: Cohort 1 – seven to eleven years old, Cohort 2 – eight to twelve years old, Cohort – nine to thirteen years old, and Cohort 4 – ten to fourteen years old. To somatic growth was analyzed the stature and the body mass. The analyzed physical fitness components were force/endurance abdominal, flexibility, general endurance, and power of lower limbs. To dates analyze was made exploration study to evaluate the essentials presupposes of parametric analyze. The distributions’ normality was tested by Shapiro-Wilks’ test, and the variances’ homogenized with the Levene’s test. On the descriptive analyze was utilized the mean and the standard deviations. On the inferential analyze, to sexual dimorphism were utilized: (a) ANOVA to verify the possible differences between the sexes during the ages; (b) ANCOVA, to verify the influence of the stature and body mass in the physical fitness, in each age; (c) Repeated Measured Analyze to verify the time influence in the somatic growth and in the physical fitness components development. The tracking was calculated using the auto-correlation (calculation of the value of Spearman correlation between ages). The significance level was of 5%. All statistics analyzes were made at SPSS 10.0 statistic program for Windows. As main results, for sexual dimorphism, it was not possible to trace a difference standard between the sexes at any variables, because there was a great complexity on the way that the variables development themselves during the four years of the study. The covariates stature and body mass do not exert a significant influence on the physical fitness tests analyzed performance. The time exerts a significant influence in the change of the means during the years, on the four cohorts, on the somatic growth (statue and body mass) and on the force variables (force/endurance abdominal and power of lower limbs). On the flexibility and on the general endurance, at same studies, there was not a time significance influence. For the tracking, with a general analyze, we can infer that the stature and body mass present a high tracking. The force/endurance abdominal, flexibility, and power of lower limbs present a moderate to high tracking, while the general endurance presents a moderate tracking. However, because the great complexity of the results during the four years at the four cohorts, these results should receive same parsimony for affirmations about somatic growth’s and physical fitness components’ tracking.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/8624
Arquivos Descrição Formato
000583166.pdf (1.609Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.