Repositório Digital

A- A A+

A gramática da língua brasileira de sinais : aspectos sintáticos

.

A gramática da língua brasileira de sinais : aspectos sintáticos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A gramática da língua brasileira de sinais : aspectos sintáticos
Autor Moraes, Luciana Viegas Alves Craveiro
Orientador Menuzzi, Sérgio de Moura
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Análise lingüística
Estudos da linguagem
Gramática
Língua Brasileira de Sinais
Sintaxe
[en] Brazilian sign language
[en] LIBRAS
[en] LSB
[en] Phrase
[en] Syntax
Resumo A presente dissertação se propõe a fazer uma síntese ampla da sintaxe da Língua Brasileira de Sinais, a LSB: isto é, de um lado, procura identificar, seja na literatura, seja no corpus de estudo, que padrões gerais de enunciados são gramaticais e que padrões são agramaticais na LSB; de outro lado, tenta caracterizar a estrutura dos enunciados gramaticais da língua por meio de uma descrição do léxico, das regras sintagmáticas e das transformações da LSB. No primeiro capítulo, realizamos uma revisão da história das línguas de sinais observando as influências que outras línguas de sinais, como a americana e a francesa, exerceram sobre a gramática da LSB; e revisitamos os principais estudos linguísticos a respeito dessas línguas. No segundo capítulo, procuramos oferecer informações preliminares importantes para o entendimento satisfatório da estrutura da LSB: discorremos sobre o Léxico e seus componentes; as três classes de verbos; as marcações não-manuais; e a ordem canônica da frase. No capítulo seguinte, realizamos um estudo descritivo dos sintagmas da Língua Brasileira de Sinais, analisando o sintagma nominal e seus componentes; o sintagma preposicional, adjetival, adverbial e verbal, propondo regras de transformação para eles. Por fim, no último capítulo, nos detivemos em analisar as interrogativas com elementos QU (ou WH, em inglês). Levamos em conta as discussões acerca do movimento desses elementos na língua de sinais americana e na brasileira, se para direita ou esquerda, optando pelo movimento para a esquerda. Para embasar melhor o estudo, fizemos uma síntese das principais pesquisas sobre o assunto em questão, observando as diferenças existentes nas explicações, comparando-as com os dados que coletamos e com os juízos de nossos informantes. Concluímos propondo as estruturas que consideramos possíveis para as interrogativas com um único QU em LSB e para as com elementos QU duplicados.
Abstract The aim of this dissertation is to propose a broad description of Brazilian Sign Language (henceforth LBS) syntax: that is, on the one hand, it seeks at identifying, either in the literature or in our corpus, which of the common utterances’ patterns are grammatical and which are ungrammatical in LBS; on the other hand, it tries to characterize structure of the language grammatical utterances through a description of lexis, syntagmatic rules and LBS transformations. In the first chapter, we present a bibliographic summary of sign language history both pointing out the influence of some, such as the American and French, over LBS grammar; and revising the most significant linguistic studies in regards to those languages. In the second chapter, we offer important preliminary information to a satisfactory understanding of LBS structure: we describe the Lexis and its components; three verb classes; the nonmanual markers; and the sentence canonical structure. In the next chapter, we describe the LBS phrase, analyzing the nominal phrase and its components, the prepositional, adjectival, adverbial and verbal phrases; and offering transformational rules for them. Finally, in the last chapter, we analyze WH interrogative elements (or QU in Portuguese). We take in account the current discussions on the gestures of such elements both in American and Brazilian sign languages, whether they are to the right or to the left, opting for moving to the left. In order to consolidate this study, we summarized the most recurrent researches, observing the differences in explanations, comparing them to the data we have collected and to the judgment of our informants. In conclusion, we propose the WH interrogative structures which we consider likely to be applied in questions with only one WH element or with double WH elements.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/88341
Arquivos Descrição Formato
000909108.pdf (26.94Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.