Repositório Digital

A- A A+

Estudo restropectivo de lesões em baços de cães esplenectomizados: 179 casos

.

Estudo restropectivo de lesões em baços de cães esplenectomizados: 179 casos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo restropectivo de lesões em baços de cães esplenectomizados: 179 casos
Outro título Retrospective estudy of disorders in spleens from splenectomized dogs : 179 cases
Autor Bandinelli, Marcele Bettim
Pavarini, Saulo Petinatti
Oliveira, Eduardo Costa
Gomes, Danilo Carloto
Cruz, Claudio Estevao Farias da
Driemeier, David
Resumo Alterações de tamanho e forma em baços são frequentemente identificadas em cães e esplenectomia é medida terapêutica usual. Esse trabalho inclui as alterações detectadas em amostras de baços de cães esplenectomizados. Os casos foram avaliados quanto aos dados gerais, clínicos e patológicos. De um total de 9.085 amostras de tecidos caninos, 179 (2%) foram provenientes de baços de cães com esplenectomia total. A idade média dos cães foi 9,9 anos. Do total analisado, obteve-se 173 diagnósticos conclusivos, dos quais 120 (69,3%) corresponderam a doenças neoplásicas e, 53 (30,6%), doenças não neoplásicas. Dentre os diagnósticos neoplásicos, 92,5% (111/120) eram neoplasmas malignos e, 7,5% (9/120), benignos. As principais alterações identificadas foram hemangiossarcoma 44,1% (79/179), hiperplasia linfoide nodular 20,1% (36/179), fibrossarcoma 10,6% (19/179), hemangioma 3,9% (7/179) e doenças hemolíticas imunomediadas 3,9% (7/179), além de etástases de diferentes neoplasias 3,3% (6/179).
Abstract Gross changes in spleen size and shape are frequently recognized in dogs, and splenectomy is the usual measure adopted in such cases. This study includes the changes observed in spleen samples excised from dogs. Cases were evaluated on the basis of general, clinical, and histopathological findings. In the 2000-2010 period, 9085 samples of canine tissues were evaluated, 179 (2%) of which were taken from total surgical spleen removal. The mean age of dogs studied was 9.9 years. A conclusive diagnosis was obtained in 173 spleen samples, of which 120 (69.3%) were neoplastic disorders and 53 (30.6%), non-neoplastic diseases. Malignant changes corresponded to 92.5% (111/120) of the neoplastic cases, and benign ones to 7.5% (9/120). The main changes observed in spleen samples were hemangiosarcoma 44.1% (79/179), nodular lymphoid hyperplasia 20.1% (36/179), fibrosarcoma 10.6% (19/179), hemangioma 3.9% (7/179), and immune-mediated hemolytic diseases 3.9% (7/179), apart of different metastatic neoplasms 3.3% (6/179).
Contido em Pesquisa veterinaria brasileira. Vol. 31,n.8 (ago., 2011), p. 697-701
Assunto Intoxicação
Patologia veterinaria
[en] Dogs
[en] Histopathology
[en] Spleen
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/98462
Arquivos Descrição Formato
000826526.pdf (121.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.