Repositório Digital

A- A A+

Práticas avaliativas na gestão da atenção básica à saúde : estudo de caso em Camaquã e Canguçu (RS)

.

Práticas avaliativas na gestão da atenção básica à saúde : estudo de caso em Camaquã e Canguçu (RS)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Práticas avaliativas na gestão da atenção básica à saúde : estudo de caso em Camaquã e Canguçu (RS)
Autor Pinto, Juliana Maciel
Gerhardt, Tatiana Engel
Resumo O artigo aborda a gestão municipal do Sistema Único de Saúde (SUS) a partir das práticas avaliativas realizadas em Camaquã e Canguçu (RS). Apresenta estudo de casos múltiplos, qualitativo, com análise de dados de observação participante, entrevistas semiestruturadas e documentos locais. Foram considerados os tipos de práticas avaliativas (cotidiana, normativa, pontual, de monitoramento ou investigação avaliativa) e a origem dos avaliadores (internos ou externos). Identificaram-se o predomínio de práticas avaliativas cotidianas exercidas por agentes internos e a presença de práticas normativas induzidas por agentes externos. Conclui-se que a mediação sociopolítica é a principal estratégia gestora para considerar a diversidade de atores e suas avaliações sobre um sistema de saúde que pretende atuar em rede e que tem a participação como diretriz constitucional.
Resumen El artículo aborda la gestión municipal del Sistema Único de Salud (SUS) desde las prácticas de evaluación llevadas a cabo en Camaquã y Canguçu (RS). Presenta múltiples estudios de casos, análisis de datos cualitativos con la observación participante, entrevistas semi-estructuradas y documentos locales. Se consideraron los tipos de prácticas de evaluación (cotidiana, normativa, puntual, o investigación evaluativa) y el origen de los evaluadores (interno o externo). Identificaron el predominio de las prácticas de evaluación cotidianas ejercidas por los agentes internos y la presencia de prácticas normativas inducidos por agentes externos. La conclusión és que la mediación es la principal estrategia de gestión socio-política a considerar la diversidad de actores y sus evaluaciones en un sistema de salud que tiene la intención de trabajar en red y cuenta con la participación como una directriz constitucional.
Abstract The article discusses the municipal management of the Unified Health System (UHS) from evaluation practices occurring in Camaquã and Canguçu (RS). Presents multiple case studies, qualitative data analysis with participant observation, semi-structured interviews and local documents. Were considered the types of evaluation practices (everyday, normative, punctual, monitoring or evaluative research) and the origin of the evaluators (internal or external). Identified the predominance of everyday evaluation practices exercised by internal agents and the presence of normative practices induced by external agents. It is concluded that the mediation sociopolitical is the main management strategy to consider the diversity of actors and their evaluations on a health system that intends to operate in a network and has participation as a constitutional guideline.
Contido em Revista de Administração Pública. Rio de Janeiro. Vol. 47, n. 2 (mar./abr. 2013), p. 305-326
Assunto Atenção primária à saúde
Avaliação em saúde
Camaquã (RS)
Canguçu (RS)
Gestão em saúde
Planejamento em saúde
População rural
[en] Health evaluation
[en] Health management
[en] Health planning
[en] Primary health care
[en] Rural population
[es] Atención primaria de salud
[es] Avaluación en salud
[es] Gestión en salud
[es] Planificación en salud
[es] Población rural
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/99096
Arquivos Descrição Formato
000914409.pdf (545.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.