Repositório Digital

A- A A+

Ocupar a escola : alargar o presente da educação ao considerar a diversidade sócio-cultural na gestão escolar

.

Ocupar a escola : alargar o presente da educação ao considerar a diversidade sócio-cultural na gestão escolar

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Ocupar a escola : alargar o presente da educação ao considerar a diversidade sócio-cultural na gestão escolar
Autor Dutra, Eduardo Hernandes
Orientador Alves, Caleb Faria
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Ciências Sociais: Licenciatura.
Assunto Diversidade cultural : Educação
Diversidade social
Educação : Adolescente
Gestão pedagógica da escola
[en] Artistic teaching
[en] Education
[en] Sociology
[en] Youth
Resumo Este trabalho resulta de minhas experiências nos Estágios de Docência em Ciências Sociais I e II realizados na Escola Apeles Porto Alegre no ano de 2014. Na escola encontramos muitos problemas e dificuldades. Problemas estruturais de precarização e desvalorização da educação; dificuldades que resultam do descompasso entre perspectivas pedagógicas ultrapassadas e culturas juvenis dinâmicas; impasses que provem da aderência a uma perspectiva de saber abstrata e separada em disciplinas estanques. Porém este artigo visa pensar as possibilidades. Por meio de obervações participantes, diálogos e entrevistas com atores escolares pensar: O que é possível fazer com o que temos? Enquanto buscamos algo melhor. Propõe-se aqui pensar as possibilidade de alargamento do presente da escola, incluindo saberes, experiências e relações que chegam a escola através de educandos, professores e funcionários e hoje estão ausentes nos planejamentos. Como fecundar os currículos com a energia, criatividade e expressividade das juventudes? Quais as latências existentes na escola nos permitem dialogar com os conceitos e teorias das Ciências Sociais? Por fim apresentamos projetos em andamento no Apeles em busca de tornar essas provocações ações.
Abstract This paper is the result of my experiences in Teaching Internship in Social Sciences I and II, made in the School Apelles Porto Alegre in the year 2014. At school we found many problems and difficulties. Structural problems of precariousness and devaluation of education; difficulty resulting from the mismatch between outdated pedagogical perspectives and dynamic youth cultures; impasses that comes from the adherence to a perspective of knowledge that is abstract and separated into tigth disciplines. However, this article aims to think the possibilities. Through participant observations, dialogues and interviews with school players to think: What you can do with what we have? As we seek something better. We propose to think the possibility of enlarging schools present, including knowledges, experiences and relationships that come to school with students, faculty and staff and are now absent in planning. How to fertilize the curriculum with the energy, creativity and expressivity of the youth? What existing latencies in school allow us to engage with the concepts and theories of the social sciences? Finally we present ongoing projects in Apeles in the pursuit of making these provocations actions.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/127962
Arquivos Descrição Formato
000974247.pdf (726.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.