Repositório Digital

A- A A+

É para falar de gênero sim! : uma experiência de formação continuada para professoras/es de história

.

É para falar de gênero sim! : uma experiência de formação continuada para professoras/es de história

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título É para falar de gênero sim! : uma experiência de formação continuada para professoras/es de história
Autor Azevedo, Paula Tatiane de
Orientador Méndez, Natalia Pietra
Data 2016
Nível Mestrado profissional
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Ensino de História.
Assunto Ambiente virtual de aprendizagem
Canoas (RS)
Ensino de história
Estudos de gênero
Formação de professores : História
Gênero
Mulher : História
[en] Continuing education of teachers
[en] Gender
[en] History teaching
Resumo Este estudo tem por objetivo propor um diálogo entre o ensino de História, os estudos de gênero e a formação continuada de professoras/es a partir da experiência de elaboração e aplicação do curso de extensão Caminhos entrecruzados: o ensino de história, gênero e formação de professoras/es, desenvolvido em um ambiente virtual de aprendizagem (AVA) na modalidade semipresencial. O curso foi realizado com professoras/es da rede municipal de ensino da cidade de Canoas/RS com a intenção de contribuir para a formação continuada de professoras/es de História, discutindo fundamentos teórico-metodológicos para refletir os possíveis usos da categoria de gênero no ensino de História. Em termos metodológicos, a pesquisa utilizou algumas ferramentas oriundas de estudos etnográficos, com o olhar voltado ao processo de formação, tendo em vista dois olhares: o da professora/pesquisadora e das/os professoras/es cursistas. Nessa formação, pensou-se o conceito de gênero a partir dos estudos culturais e dos estudos feministas, em uma perspectiva pós-estruturalista, fundamentada principalmente na definição de gênero da historiadora Joan Scott. A finalidade da formação foi desenvolver uma proposta de formação continuada para professores/as de história da rede pública na temática de gênero e história das mulheres. Com a experiência de aplicação da formação, foi possível propor formas de articular gênero e ensino de História com o objetivo de tensionar e superar o modelo vigente de ensino baseado em uma visão tradicional, linear, etnocêntrica e masculina de História.
Abstract This study aims to propose a dialogue between the teaching of History, the gender studies and the continuing education of teachers from the experience of development and application of the extension course Crisscrossing Paths: teaching History, gender and education of teachers, developed within a virtual learning environment (VLE) in blended mode. The course was held with teachers from municipal schools of Canoas/RS with the intention to contribute to the continuing education of History teachers, discussing theoretical and methodological background to reflect the possible uses of the gender category in History teaching. In terms of methodology, the research used some tools derived from ethnographic studies, focused on the training process, given two looks: from the teacher/researcher and from teachers/students. In this training, the concept of gender was thought from cultural and feminist studies in a post-structuralist perspective, base mainly on the definition of gender from historian Joan Scott. With the experience of training it was possible to propose ways to articulate gender and the teaching of History with the objective to tension and overcome the current model of education based on a traditional, linear, ethnocentric and masculine view of History.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/156460
Arquivos Descrição Formato
001015474.pdf (1.075Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.