Repositório Digital

A- A A+

Significado e controles da mineralização sulfeto-óxido nos mármores de Caçapava do Sul-RS

.

Significado e controles da mineralização sulfeto-óxido nos mármores de Caçapava do Sul-RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Significado e controles da mineralização sulfeto-óxido nos mármores de Caçapava do Sul-RS
Autor Reis, Rafael Souza dos
Orientador Dani, Norberto
Remus, Marcus Vinicius Dorneles
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Curso de Geologia.
Assunto Caçapava do Sul (RS)
Escarnito
geoquimica
Metassomatismo
Sulfetos
[en] Metasomatism
[en] Oxides
[en] Skarns
[en] Sulfides
Resumo Esse trabalho contribui para o entendimento da origem dos corpos de minério de Cu- Fe constituídos por sulfetos e minerais associados, hospedados nos mármores do Complexo Passo Feio (Neoproterozóico) na região de Caçapava do Sul, RS. A maior parte dos depósitos de cobre do estado situam-se na borda leste do Bloco São Gabriel onde estão hospedados em rochas de origem e idades distintas, conforme discutido em trabalhos anteriores. Alguns depósitos dessa província encontram-se ligados espacialmente ao Granito Caçapava e estão hospedados nas rochas carbonáticas pertencentes ao Complexo Passo Feio, RS. O alvo desse estudo é a caracterização dos escarnitos e das mineralizações associadas, constituídas de sulfetos, óxidos e sulfatos, aparentemente dispersas na região de trabalho. A associação, distribuição espacial e as relações paragenéticas sugerem que as ocorrências, hospedadas nos mármores, estejam ligadas geneticamente a fases cronologicamente distintas. Na busca por interpretações gerais das paragêneses dos minérios, o controle estrutural também foi alvo de abordagem do estudo e sugere duas etapas com formações distintas das paragêneses de sulfeto-óxido na região alvo de trabalho. A primeira etapa envolve condições de temperatura e profundidade relativamente elevadas com deformação plástica sin-tectônica contemporânea à deposição de pirrotita, molibdenita, pirita, olivina e diopsídio. A etapa final mostra o condicionamento das paragêneses por estruturas rúpteis em condições de temperatura e profundidade relativamente baixas, iniciando com clorita, calcopirita, pirita, serpentina e talco e finalizando com hematita e barita. A evolução do processo pode ter envolvido um fluído único principal com resfriamento progressivo ou, alternativamente, a mistura de fluídos composicionalmente distintos. A deposição das diferentes fases podem ter ocorrido de modo contínuo e progressivo ou envolvendo um lapso de tempo importante entre as etapas de alta e baixa temperatura. Desse modo, os dados levantados permitem elaborar diferentes proposições que contribuem para formulação de um modelo genético mais preciso para estes depósitos da Província Cuprífera do Rio Grande do Sul.
Abstract This work contributes to the studies of Cu-Fe ore deposits formed by sulfides and associated minerals hosted in the marbles of Passo Feio’s complex (Neoprotezoic period) in the Caçapava do Sul, RS region. The most part of the copper deposits of the state are located in the east edge of the São Gabriel’s block, where they are found hosted in rocks with distinct origins and ages, according to the previous works. Some of the deposits from this region are found spatially bounded to the Caçapava’s granite and are hosted in the carbonate rocks of the Passo Feio’s complex. The aim of this study is the characterization of the skarn and associated mineralization composed by sulfides, oxides and sulfates, apparently dispersed within the work area. The mineral association, spatial distribution and paragenetic relations suggest that the occurrences are genetically connected to the chronologic distinct phases. Seeking for general interpretations of the ore’s paragenesis, the structural control was also a subject of this study that suggests two steps with distinct oxide-sulfide paragenesis formation in this work area. The first step involves temperature and relatively high depth conditions with plastic sin-tectonic deformation contemporaneous to the deposition. The last step shows the paragenesis conditioning due to brittle structures under low temperature and shallow depth conditions. The evolution of the process may have involved a unique principal fluid with a progressive cooling or, alternatively, a mix of fluids with distinct compositions. The deposition of different phase compositions could be occurred in a continuous and progressive way or envolving an important time interval between the high and low temperatures steps. In this way, the acquired data allow us to elaborate different propositions that contribute to the formulation of a more precise genetic and exploration model for such deposits in the copper mining district of Rio Grande do Sul.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/95492
Arquivos Descrição Formato
000918240.pdf (12.90Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.